Os 10 Melhores Filmes de 1984

Neste ano, os filmes que se tornaram clássicos absolutos da década de 1980 fazem bodas de coral. Eu fiquei aqui pensando com os meus botões “tanto filme bom lançado em 1984 e terei que lembrar só de um ou dois?”. Porém, eu tomei a decisão de elaborar uma lista de filmes (sem definição de posições) que completam 35 anos em 2019. O mesmo eu farei com os discos futuramente.

Continuar lendo Os 10 Melhores Filmes de 1984

Chernobyl

Em 1986 ainda vivíamos em era de Guerra Fria. Já mais enfraquecida, é verdade. Porém, os dois grandes inimigos desse período ainda brigavam por protagonismo: Estados Unidos e União Soviética. O que me leva a pensar que vivemos mesmo em uma eterna dicotomia…

Uma das características do mundo, naquela época, e que causaria estranheza aos jovens de hoje, é o fato de que o que importava era manter a informação restrita. Quem mantivesse o segredo, portanto, era o vencedor. Talvez esse detalhe seja uma das justificativas para o encantamento que Chernobyl, minissérie da HBO, gerou. Continuar lendo Chernobyl

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Agosto (2019)

Novos títulos de autoras que são fenômenos de vendas mundiais invadem as prateleiras das livrarias em agosto. A Escolha de Lisa Kleypas sai pela Gutenberg. Já Maggie Stiefvater vem com Todos os Santos Malditos pela Verus. A Garota Do Penhasco de Lucinda Riley é um dos lançamentos da Arqueiro e Te Devo Uma, assinado por Sophie Kinsella, é uma das novidades do mês pela Record. Esta última ainda traz o volume 11 de Crônicas Saxônicas, com o subtítulo: A Guerra do Lobo, do aclamado Bernard Cornwell. E já que falamos em Arqueiro e sequências de séries bem-sucedidas, a editora lança neste mês o quarto volume da série Clube Dos Sobreviventes de Mary Balogh, intitulado Uma Paixão e Nada Mais. Referência absoluta quando se fala de literatura de fantasia e ficção científica, A Mão Esquerda da Escuridão ganha uma nova edição pela Aleph. O livro escrito há meio século por Ursula K. Le Guin é de uma importância incontestável, colecionou prêmios como o Hugo e o Nebula e a nova edição ainda conta com um prefácio do genial Neil Gaiman. Nem precisa dizer mais nada! De autoria da consagrada Isabel Allende (de A Casa dos Espíritos), De Amor e de Sombra é outro clássico a ganhar relançamento. A nova edição comemora os 35 anos da obra e sai pela Bertrand Brasil. O Diário de Nisha de Veera Hiranandani é daqueles lançamentos caprichados como só a Darkside é capaz de publicar. E, para completar, a Faro Editorial lança o perturbador Vozes do Joelma: Os Gritos Que Não Foram Ouvidos assinado por Marcos Debrito, Marcus Barcelos, Rodrigo de Oliveira, Victor Bonini, Tiago Toy. Abaixo, você confere capas e sinopses dos principais lançamentos e relançamentos literários do mês de agosto.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Agosto (2019)

Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Agosto (2019)

Fãs de super-heróis, podem vibrar e reservar um espaço considerável em suas estantes de HQs. O Homem-Morcego estrela três lançamentos distintos e todos assinados por mestres da nona arte: Batman: As Muitas Mortes de Batman de John Byrne, Batman Noir: O Cavaleiro das Trevas de Frank Miller e Batman & Robin – Volume 1 de Grant Morrison. Todas elas saem pela Panini. A editora ainda lança Guerras Secretas, Homem de Ferro: Stark – A Queda, Pantera Negra: Vingadores Do Novo Mundo Livro 2 e duas edições da Coleção Histórica Marvel: uma estrelada pelo Mestre do Kung Fu e outra pelo Incrível Hulk. E como Panini não se resume apenas a super-heróis, a editora não economiza nos lançamentos e acrescenta ao seu impressionante catálogo os imperdíveis O Universo de Sandman: O Sonhar Volume 1, Doctor Who: Os Quatro Doutores e o volume 28 do sensacional Black Butler. Para os admiradores de um personagem ainda mais clássico, a Mythos Editora traz dois títulos estrelados pelo Fantasma de Lee Falk, uma ótima oportunidade apresentá-lo às novas gerações que desconhecem o personagem. A primeira de uma série de edições remasterizadas da cult Tank Girl sai pela Astral Cultural. A JBC apresenta o volume 4 de Akira. E a Devir Livraria lança por estas bandas o primeiro volume da original, porém, nonsense Skyward. Confira sinopses e capas dos principais lançamentos em graphic novels, mangás e edições avulsas de quadrinhos do mês de agosto:

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Agosto (2019)

Bons Filmes em Agosto (2019)

Mês do desgosto? Não vamos exagerar. Mas para os cinéfilos de gosto apurado, este será um mês de garimpar os cinemas em busca de boas opções em cartaz. Mais um capítulo da rentável franquia Velozes & Furiosos (a galinha dos ovos de ouro da Universal) entra em cartaz nos cinemas de todo o país, dessa vez contando com Idris Elba no elenco. Uma nova versão de um clássico que aterrorizou a infância de gerações passadas, invade as telas: Brinquedo Assassino. Já Meu Amigo Enzo que promete levar muita gente às lágrimas. Anna, o novo de Luc Besson, cineasta responsável por O Quinto Elemento é outra novidade de agosto nas telas. Falando de diretores consagrados, o 9º filme da carreira de Quentin TarantinoEra Uma Vez em… Hollywood, está entre as estreias do mês. No cinema nacional, alguns exemplares que valem ser vistos. Um deles é Bacurau de Kleber Mendonça Filho, filme que integrou a Seleção Oficial competitiva do Festival de Cannes. O outro é a cinebiografia do carismático Simonal, uma das vozes mais marcantes do Brasil. E se eu fosse você, passaria bem longe de qualquer sala que estiver exibindo Nada a Perder 2.

Continuar lendo Bons Filmes em Agosto (2019)

Luluzinha

Luluzinha desenho

A garotinha travessa, esperta e cativante Little Lulu (Luluzinha) foi criada pela cartunista Marjorie Henderson Buell em 1935. Seus cartoons passaram a ser publicados pelo jornal The Saturday Evening Post até 1945, sendo integralmente desenhados por Marge.  Já em sua primeira tirinha, Luluzinha surgiu com uma travessura – arremessando cascas de bananas em um corredor de uma igreja, em frente aos noivos que passavam por ali, de modo que eles escorregassem. Com o sucesso dos cartoons, a personagem passou a trilhar seu bem-sucedido caminho por diversas outras mídias.

Continuar lendo Luluzinha

Uma poltrona macia, um balde de pipoca, alguns discos de vinil, umas revistas da Marvel e um encontro com Tarantino… De tudo um pouco ou nada disso