Arquivo da tag: Quadrinhos

Leão da Montanha

Depois de ter dado o ar da graça em desenhos de outros personagens no ano de 1959, essa famosa figura dos estúdios Hanna-Barbera passou a estrelar na TV sua própria série animada em 1961, tornando-se um sucesso entre os personagens do estúdio: o Leão da Montanha (Snagglepuss no original).

Continuar lendo Leão da Montanha

Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Outubro (2020)

Outubro é um mês repleto de lançamentos de quadrinhos premiados e aclamados pela crítica especializada. A Darkise traz os imperdíveis Death Disco v.1 de Atsushi Kaneko; Joe Hill Dark Collection v. 1: A Capa baseada no universo aterrador de Joe Hill, e assinada por Jason Ciaramella, Zach Howard Nelson Dániel; Seven to Eternity v. 1: O Deus do Sussurro de Rick Remender, Jerome Opeña, Matt Hollingsworth; e Condado Maldito: Bruxas & Assombrações de Cullen Bunn com o padrão de qualidade já conhecido da editora. A Skript publica uma adaptação para os quadrinhos do conto A Cor Que Caiu do Espaço, escrito em 1927 por H.P. Lovecraft, feita por Romeu Martins, Val Oliveira e Sandro Zambi. Obra-prima premiada do lendário mangaká Shigeru Mizuki, o semibiográfico NonNonBa é um dos grandes lançamentos da Devir. Falando em autores importantes da indústria de HQs, o francês Blutch tem sua obra, Péplum, publicada pela Veneta. A primeira HQ produzida pelo celebrado grupo de artistas brasileiros Stout Club, composto por Rafael Scavone, Eduardo Medeiros e Rafael Albuquerque, é uma das novidades da Pipoca e NanquimFunny Creek apresenta uma garota presa no universo de seu desenho animado favorito de faroeste. A Nemo traz outro importante título: Degenerado de Chloé Cruchaudet, premiado em 2014 no Festival de Angoulême e inspirado em fatos. A Excelsior lança a contiunuação oficial do clássico cult Blade Runner de 1982, intitulado Blade Runner 2019 Off-World, vencedora do Scribe Award 2020 de Melhor Graphic Novel. Imagine uma realidade em que toda a população masculina do planeta é exterminada e o mundo passa a ser habitado apenas por mulheres. Não, eu não estou falando de uma nova edição de Y: O Último Homem e, sim, da hilariante Mundo Mulher: Woman World, publicação da Conrad. Confira capas e sinopses dos principais lançamentos de graphic novels, mangás e HQs avulsas de outubro: Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Outubro (2020)

7 Anos de Agents Of SHIELD – Considerações Sobre a Series Finale

Antes de qualquer coisa, há uma boa quantidade de artigos sobre a série aqui no site. Se quiserem dar uma olhada, consultem a tag. Não se espantem com meu primeiro texto… Minha opinião mudou muito de lá pra cá.

Na história das produções seriadas para a televisão, são raríssimas as que permaneceram tanto tempo no ar e foram capazes de manter uma constância – na narrativa, no elenco, na qualidade do produto. E um número menor ainda de séries duradouras conseguiu entregar um final satisfatório e digno de toda a sua jornada ao longo dos anos. Sempre ficam as famosas brechas, lacunas, pontas soltas, personagens com final em aberto… Agents of SHIELD, no entanto, contra todas as expectativas e graças à tenacidade de seus showrunners, conseguiu alcançar essas duas proezas com louvor. Admirável! Continuar lendo 7 Anos de Agents Of SHIELD – Considerações Sobre a Series Finale

#BatmanDay: Trilhas Sonoras

Feliz #BatmanDay! E vamos de trilha sonora:

O primeiro trailer de The Batman, dirigido por Matt Reeves e estrelado por Robert Pattinson, foi exibido no evento virtual DC Fandome e surpreendeu por inúmeros motivos.

Surpreendeu os desacreditados que não estavam botando fé no projeto; surpreendeu os fãs que estavam ansiosos pela prévia, mas não contavam que ela seria ainda melhor do que se imaginava; e surpreendeu pela escolha inesperada da trilha sonora: Something in the Way, faixa presente no clássico álbum do Nirvana, Nevermind de 1991, embala o sombrio e impactante teaser do filme.

Continuar lendo #BatmanDay: Trilhas Sonoras

The End Is the Beginning Is the End – The Smashing Pumpkins

O Dia do Batman não se trata de uma data fixa, mas é recorrentemente comemorado em setembro. Este ano, a celebração será no próximo sábado, dia 19. No ano passado, postamos um artigo por aqui para comemorar os 80 anos do personagem, um dos heróis mais populares dos quadrinhos, da TV e do cinema. Agora, em 2020, decidimos fazer um resgate das músicas que embalaram as aventuras do personagem. Para começar, vamos revisitar um videoclipe de uma das bandas de rock alternativo mais amadas da década de 1990 e cuja música integrou a trilha sonora de um filme estrelado pelo herói. Continuar lendo The End Is the Beginning Is the End – The Smashing Pumpkins

Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Setembro (2020)

Durante a década de 1960, auge da Beatlemania, um rumor tomou forma e alcançou proporções inimagináveis, sustentando-se até hoje como o boato mais duradouro e bem elaborado da cultura pop: a suposta morte de Paul McCartney. Um acidente de carro, sem graves consequências, sofrido pelo músico originou a famosa história de que o integrante dos Beatles havia morrido e, posteriormente, substituído por um sósia. O rumor foi alimentado por singelas pistas espalhadas por capas de discos e letras de músicas da cultuada banda de Liverpool, tornando-se um dos golpes de marketing mais emblemáticos de todos os tempos. Agora, a história ganha contornos de ficção especulativa por meio das páginas da graphic novel Paul Está Morto – Quando Os Beatles Perderam McCartney, concebida pelos italianos Paolo Baron e Ernesto Carbonetti e que chega ao Brasil pela editora Comix Zone com um acabamento de qualidade e marcador de páginas exclusivo.

Este, contudo, não é o único destaque dentre os lançamentos mensais do universo da nona arte. A editora Pipoca e Nanquim apresenta o primeiro de uma série de três volumes de Satsuma Gishiden: Crônicas dos Leais Guerreiros de Satsuma. A obra do grande mestre dos mangás de samurai, Hiroshi Hirata, publicada originalmente no Japão entre o fim da década de 1970 e início dos anos 1980, ganhou uma edição de luxo imperdível. Falando em edições de Luxo, a mesma editora ainda lança Cannon de Wallace Wood em um volume de 276 páginas que compila as aventuras estreladas pelo explosivo agente secreto e máquina de matar imbatível, John Cannon, publicadas entre os anos de 1970 e 1973.

A Panini lança Wolverine: A Longa Noite, adaptação para os quadrinhos do podcast oficial da Marvel: Wolverine: The Long Night. Já a Excelsior traz Homem-Aranha: Miles Morales, de Jason Reynolds, elogiada até mesmo pelo co-criador do protagonista, Brian Michael Bendis. A Veneta publica duas obras que atestam a genialidade de uma das revelações atuais dos quadrinhos brasileiros, Juscelino Neco – são elas:  a segunda edição de Matadouro de Unicórnios e Reanimator, uma adaptação de um conto de H. P. Lovecraft. Pela Zarabatana, sai a edição colorida de um marco premiado dos quadrinhos nacionais: Bando De Dois de Danilo Beyruth. A Solidão de um Quadrinho Sem Fim, novo título do brilhante autor Adrian Tomine, com tradução de Érico Assis, é uma das novidades da Nemo. E Separados do aclamado Scott Snyder é a novidade da divisão especializada em graphic novels da editora Darkside.

Confira abaixo capas e sinopses dos principais lançamentos de mangás, graphic novels, encadernados e edições avulsas de HQs do mês de setembro.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de HQs – Setembro (2020)