Arquivo da tag: Literatura

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Maio (2021)

Maio traz uma ótima variedade de títulos literários para os amantes da literatura. A gente começa com a editora Companhia das Letras que publica o finalista do Man Booker Prize e best-seller do New York Times, considerado o Dom Quixote da era moderna: Quichotte de Salman Rushdie. Para os fãs de Anne Shirley, a Autêntica lança o quinto romance da saga, A Casa Dos Sonhos De Anne, assinado por Lucy Maud Montgomery. A Principis traz um kit com dois livros de A Velha Loja de Curiosidades de Charles Dickens (também é possível adquirir os volumes separadamente). A Record apresenta A Rainha dos Funerais da escritora Madeleine Wickham, antes de ela adotar o pseudônimo que todo mundo conhece: Sophie Kinsella. A Verus publica Positiva de Camryn Garrett, sobre uma garota que muda de escola e faz o possível para manter seu diagnóstico de HIV positivo em segredo diante de seus novos amigos e interesse amoroso, até se ver no meio de uma trama que envolve chantagem e preconceito. Pela Todavia sai Diários: 1909-1923 de Franz Kafka, que mergulham profundamente na mente brilhante e torturada do autor, revelando uma abrangência de registros pessoais e conteúdo inédito de sua obra. A Arqueiro publica Lua No Céu De Cabul de Nadia Hashimi, um drama emocionante e inquietante sobre refugiados na Europa. A mesma editora ainda apresenta A Mulher na Janela, livro que inspirou o filme homônimo da Netflix, de autoria de A. J. Finn. Finalista do International Booker Prize 2020 e do National Book Awards 2019 e traduzido para inúmeros idiomas, A Polícia da Memória da aclamada Yoko Ogawa chega ao Brasil pela Estação Liberdade. E, para completar, a Rocco aproveita o embalo recente do Oscar e publica Nomadland: Sobrevivendo aos Estados Unidos no Século XXI de Jessica Bruder, o livro que inspirou o filme de Chloé Zhao, vencedor do prêmio principal da Academia em 2021, de Melhor Filme.

Abaixo, você confere as capas e sinopses dos destaques do universo literário do mês de maio. Os títulos com asterisco na frente são aqueles que irão integrar a nossa biblioteca pessoal.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Maio (2021)

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Abril (2021)

As editoras capricharam ao prepararem vários boxes e edições de colecionador para os amantes da leitura neste mês de abril. A Novo Século traz os box Drácula – A Estaca de Bram Stoker e Espelho de Oscar Wilde que inclui três livros e ainda acompanha pôster, suplemento e marcadores. A Aleph lança um box imperdível para quem quer conhecer três grandes marcos da literatura distópica: Laranja Mecânica, de Anthony Burgess; 1984, de George Orwell; e Nós, de Ievguêni Zamiátin são reunidos no Box Clássicos da Distopia. E para os fãs dos Bridgertons, a Arqueiro preparou uma caixa com a série completa, incluindo todos os nove títulos e mais um livro extra do fenômeno literário assinado por Julia Quinn e que ganhou uma adaptação igualmente bem-sucedida na Netflix. A Darkside publica simultaneamente duas edições de Alice Através do Espelho de Lewis Carroll, sendo a edição limitada e a clássica, contando com as ilustrações de Mika Takahashi e a qualidade que a gente já conhece. Para completar, tem os lançamentos de dois renomados autores japoneses: Terráqueos, segundo romance de Sayaka Murata – a mesma do ótimo Querida Konbini – sai pela Estação Liberdade; e a nova edição de Sul da Fronteira, Oeste do Sol de Haruki Murakami, autor do best-seller 1Q84 e do maravilhoso Sono, é um dos destaques da Alfaguara. Abaixo, você confere capas e sinopses dos principais lançamentos literários de abril.

* Os títulos com asterisco na frente, são aqueles que irão integrar a nossa biblioteca pessoal.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Abril (2021)

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Março (2021)

Março traz uma variedade literária para satisfazer a todos os gostos. A Jangada apresenta a aguardada sequência repleta de suspense e mistério de Os Seis Finalistas, de Alexandra Monir, intitulada A Descoberta Final. Pela Companhia das Letras, sai Klara e o Sol, do ganhador do Nobel de Literatura em 2017, Kazuo Ishiguro. Outros dos destaques da editora é A Idiota de Elif Batuman, romance finalista do Pulitzer.

A Darkside publica o romance de estreia de Nico Walker, Cherry: Inocência Perdida, que discute guerra, dependência química e transtornos mentais e cuja adaptação cinematográfica estrelada por Tom Holland e dirigida pelos irmãos Russo está prevista para estrear em breve. A caveirinha ainda lança, pelo selo Darklove, o finalista do Bram Stoker Awards 2020, eleito o melhor livro de horror no Goodreads Choice Awards 2020, escolhido como um dos favoritos do ano de diversas publicações e que ainda ganhará uma série para a TV pelo serviço de streaming Hulu: Gótico Mexicano de Silvia Moreno-Garcia.

Dentre as novidades da Arqueiro, estão A Promessa Das Terras Altas de Hannah Howell, terceiro volume da série Os Murrays; a edição econômica do livro 3 de As Quatro Estações do Amor de Lisa Kleypas, intitulada Pecados no Inverno; e o primeiro lugar do The New York Times, eleito o melhor livro do ano pelo Wall Street Journal e o melhor romance histórico pela Goodreads, O Rouxinol de Kristin Hannah.

E os fãs de Trainspotting não podem perder essa novidade da Rocco: A Calça dos Mortos, novo romance de Irvine Welsh, sequência direta de O Artista da Faca, reúne novamente as figuras clássicas que fazem parte do imaginário dos leitores desse genial autor. Abaixo, você confere sinopses e capas dos principais lançamentos literários de março.

* Os títulos com asterisco são aqueles que passarão a integrar a nossa biblioteca do Bloggallerya.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Março (2021)

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Fevereiro (2021)

Se, no post dos lançamentos literários de janeiro, eu apontei que aquele era um ótimo mês para os fãs de George Orwell, eu retiro o que disse. Fevereiro é, definitivamente, o mês em que os leitores do autor inglês irão se esbaldar com os lançamentos. As obras mais consagradas do escritor, 1984 e A Fazenda dos Animais (outrora publicada por aqui como A Revolução dos Bichos) ganham novas edições pelas editoras Antofagica, Aleph, Martin Claret, Melhoramentos (ilustrada) e Buzz Editora; além da Temporalis, que lança os dois livros em um único volume e a Companhia das Letras, que traz as duas obras reunidas em um box. Falando em box, a Record preparou uma coletânea com os três maiores clássicos do colombiano Gabriel García Márquez: Cem Anos de Solidão, Crônica de uma Morte Anunciada e O Amor nos Tempos do Cólera. A editora também lança o primeiro thriller político da autora best-seller de dramas românticos, Danielle Steel, intitulado Jogos Perigosos. Para os fãs da Família Bridgerton, a Arqueiro traz um lançamento imperdível: a edição de luxo de O Visconde Que Me Amava, livro que integra a famosa série de Julia Quinn, cujo primeiro volume já ganhou adaptação para a Netflix. E por falar nisso, a mesma Arqueiro ainda publica uma edição econômica de Amigas Para Sempre da autora Kristin Hannah, que inspirou a série homônima da Netflix. Livro 5 da famosa série de Sarah Morgan, Férias nos Hamptons: Para Nova York, Com Amor, é um dos destaques da editora Harlequin Books. E, para fechar, um lançamento que promete é o de O Habitante Das Trevas de H.P. Lovecraft, ilustrado pelo aclamado quadrinista argentino, Salvador Sanz. Abaixo, você confere capas e sinopses das principais novidades literárias de fevereiro. Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Fevereiro (2021)

Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Janeiro (2021)

Bem-vindos a 2021 e, assim como todo mundo, por aqui desejamos que o ano seja leve e infinitamente mais tranquilo do que aquele que o precedeu. E adentramos o novo ano com o nosso tradicional post de lançamentos literários. Janeiro é um bom mês para os fãs de George Orwell ou para aqueles que desejam conhecer os dois maiores clássicos do autor, que são relançados por aqui por duas editoras diferentes. A Via Leitura traz novas edições de 1984 e a Revolução dos Bichos, enquanto a Pandorga lança um box reunindo os dois títulos. Eleito pela Amazon o melhor romance de 2019, Clube do Livro dos Homens de Lyssa Kay Adams ganha publicação no Brasil pela Arqueiro. A mesma editora lança os segundos volumes das séries As Quatro Estações do Amor de Lisa Kleypas, intitulado Era Uma Vez no Outono; e Os Segredos De Charlotte Street de Scarlett Peckham, que leva o nome de O Conde Que Eu Arruinei. A Arqueiro ainda traz A Rosa Da Meia-Noite de Lucinda Riley. A Harlequin Books publica o primeiro livro da série Receba Esta Aliança, intitulado Para Conquistar um Libertino. E a Nova Fronteira traz o polêmico Feliz Ano Novo do ótimo Rubem Fonseca, cuja primeira publicação data de 1975 – ocasião em que teve sua circulação proibida nacionalmente e um ano depois foi recolhido pela Polícia Federal por ser considerada uma obra imoral que atentava aos bons costumes. Confira abaixo capas e sinopses dos principais lançamentos literários de janeiro.

Continuar lendo Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Janeiro (2021)

Favoritos 2020 – Filmes, Séries e Leituras

Mais um ano que se encerra e, desta vez, não foi fácil pra ninguém. Infelizmente, 2020 termina nos dando aquela sensação de que o ano foi perdido. Lamentamos inúmeras perdas; os diversos óbitos passaram a ser assustadoramente comuns e recorrentes em nosso dia a dia; muitos negócios cerraram as portas; o índice de desemprego é grande e alarmante… Afetou todos nós, em maior ou menor grau. Muitos planos tiveram de ser postergados, sonhos adiados, compromissos cancelados, espaços que frequentávamos agora se encontram tristemente vazios.

Mas creio que nada é mais triste do que ter de assistir de camarote ao descaso, tanto dos nossos governantes quanto da população, diante de um vírus que parou o mundo todo e encerrou vidas precoce e abruptamente. Irresponsabilidade, falta de consciência e empatia, demonstrações corriqueiras de egoísmo. Fomos assaltados de todos os lados pela pandemia em si e por todas as consequências desastrosas decorrentes dela e da falta de humanidade das pessoas. É cruel fazer um balanço desse ano e prefiro pausar por aqui as minhas reflexões acerca deste sombrio 2020 que se despede sem, infelizmente, sinalizar mudanças positivas em 2021. Por enquanto, ficamos aqui à espera da vacina e terminamos um ano com mundo infelizmente doente, não só devido ao COVID-19, mas também por conta da ignorância de muitos.

Obviamente, tivemos poucas estreias cinematográficas. O momento pandêmico fez com que os cinemas fechassem as portas por tempo indeterminado. Tivemos lançamentos via streamings, mas não foram tantos. E a verdade é que foi difícil se concentrar e assistir a um filme diante de toda essa situação. Eu mesma assisti menos filmes do que o habitual e poucas coisas me cativaram de verdade. Não tivemos nada de muito apaixonante. Foi um momento também para esfriar a cabeça e, precisando de um pouco de humor escapista, descobri e redescobri várias coisas durante a quarentena, como as séries Community e The Good Place e, aos 45 do segundo tempo, curti um romance com o hit recente Bridgerton. Retornando ao campo da comédia, revisitei os longas do Monty Python, assisti Brazil de Terry Gilliam e as leituras não ficaram para escanteio: reli The Outsiders: Vidas Sem Rumo de S.E. Hinton – relançado por aqui pela Instrínseca em uma edição maravilhosa para fã nenhum colocar defeito -, e estou empenhada em terminar Duna de Frank Herbert antes da nova adaptação para as telas, a cargo de Denis Villeneuve, entrar em cartaz.

Abaixo, listo os meus favoritos de 2020, nas categorias Filmes, Séries e Leituras.

Continuar lendo Favoritos 2020 – Filmes, Séries e Leituras