Gigantes Guerreiros Goggle Five

Agora é a vez de Goggle Five ser lembrado. Este é o primeiro tokusatsu que celebra por aqui suas bodas de esmeralda (40 anos).

Em 1990, a TV Bandeirantes deixou de lado a sua fama de “canal do esporte”, quando viveu o auge da sua cobertura esportiva na televisão brasileira. A emissora dos Saad decidiu renovar a sua programação, aderindo à onda do tokusatsu no Brasil, que era promovido especialmente pela extinta Rede Manchete no fim dos anos 1980 e início da década de 1990. Além das distribuidoras de seriados japoneses Everest Video e Top Tape, o gênero ganhou um terceiro investidor no Brasil, a Oro Filmes, que era conhecida por trazer filmes italianos para o nosso país. A empresa trabalhou exclusivamente para a TV Bandeirantes, para quem cedeu Goggle Five, Machineman e Sharivan.

No dia 12 de março de 1990, a TV Bandeirantes (hoje chamada simplesmente de Band) colocou no ar o programa TV Criança que, de cara, promoveu a estreia de Goggle Five e Machineman na televisão brasileira. O programa ocupou o horário da tarde, no lugar do Circo da Alegria, que era apresentado pelos palhaços Atchim & Espirro. Em abril, o mesmo TV Criança estreou Metalder, que era distribuído pela Everest Video e, em outubro, foi a vez de Sharivan.

Goggle Five faz parte da franquia Super Sentai e foi produzida pela Toei Company. Os 50 episódios da série foram exibidos originalmente pela TV Asahi do Japão entre 6 de fevereiro de 1982 e 29 de janeiro de 1983. Seu nome oficial é Dai Sentai Goggle V (大戦隊ゴーグルファイブ) que, em português, significa Grande Esquadrão Goggle Five. No Brasil, o seriado teve dois nomes. Na narração da abertura, ele foi chamado de Goggle Five – Os Guerreiros do Espaço, enquanto que, na dublagem, era Gigantes Guerreiros Goggle Five. Este é o super sentai mais antigo já exibido no Brasil. No quesito tokusatsu em geral, perde para o Lion Man Branco (de 1972 e que chegou ao Brasil em 1990 na Manchete) e Lion Man Laranja (também de 1973 e transmitido pela mesma Manchete em 1989).

Por vinte anos, o professor Hideki Hongo (Noboru Nakaya) investigou secretamente e descobriu que no castelo Wolf (Wolfgang no original), situado nos Alpes da Alemanha, reunia-se um grupo de misteriosos cientistas vindos de diversas partes do mundo. Tais cientistas são considerados perversos e se concentram no Império da Ciência Maligna Desdark (Deathdark no original), liderado pelo chefe Taboo (voz de Eisuke Honda). Ao fazer a descoberta, Hongo é atacado pelos Madaraman, os soldados robôs de Desdark. Para a sua sorte, aparece o alpinista Ken’ichi Akama (Ryouji Akaki), que o salva dos Madaraman.

Hongo funda o Instituto de Ciências do Futuro, que também serve de QG para o Goggle Five. Para selecionar o quinteto, Midori Wakagi (Itsuko Kobayashi) e Sayuri Yamamoto (Chieko Hosoya), assistentes de Hongo, confiam a missão a cinco crianças chamadas de Computer Boys & Girl, que também ficam encarregadas de orientá-los nas batalhas.

Em agradecimento por tê-lo salvado, Hongo entrega a liderança em batalha do Goggle Five (pronuncia-se gogol) para Akama, que passa a agir sob o nome de Google Red. Sua pedra protetora no capacete é um rubi que representa a civilização Atlântida. Ele tem como arma principal a corda Red Rope, que pode se transformar em chicote. O computer boy que orienta Akama é Tatsuya Ueda (Hidetomo Iura).

O computer boy Makoto Takenaka (Minoru Takeuchi) convoca o dono de um clube de jogo de Shogi (meio semelhante ao dominó aqui no ocidente), Kanpei Kuroda (Junichi Haruta), que assume a vestimenta de Goggle Black, cuja pedra no capacete é a esmeralda, que representa a civilização asiática. Ele tem como arma principal o Black Clubs, que pode se transformar em dois nunchakus.

Harou Shimada (Kazuhiko Ohara) convoca o inventor e jogador de hóquei de gelo Saburo Aoyama (Shigeki Ishii), para ser o Goggle Blue (não confundir com congo blue na letra da canção Mulher de Fases do Raimundos), cuja pedra no capacete é a safira, que representa a civilização egípcia. Sua arma principal é o bambolê Blue Ring.

Daisuke Ooyama (Mizuno Tomonori) convoca Futoshi Kijima (Sanpei Godai), que trabalha em um zoológico. A roupa de combate do último é a Goggle Yellow. Sua pedra protetora é a opala, que representa a civilização lemuriana (mulçumana na dublagem). Sua arma principal é a bola Yellow Ball, que pode ser aumentada e é repleta de armas pontudas.

A computer girl Akane Aizawa (Hanae Sugimoto), por sua vez, convoca a única integrante feminina, a ginasta Miki Momozono (Megumi Ogawa). A roupa de combate da última é a Goggle Pink, cuja pedra protetora é o diamante, que representa a civilização inca. Sua arma principal é o laço Pink Ribbon, que pode ser transformado em bastão. Ao chegar no Instituto, o quinteto recebe de seus respectivos computer boys & girl um bracelete transformador chamado Goggle Suit. Em seguida, Hongo entrega a comando do instituto para Midori e Sayuri.

O Império Desdark se esconde dentro do castelo Destopia, situado no fundo do mar, e decide se fixar em terra. O chefe Tabu fica em uma cabine, onde fala dos planos de destruição com seus aliados, o general Desguiler (Toshimichi Takahashi), a espiã Mazurka (Mayushi Yoshida), a doutora Sazoria (Kumiko Nishigushi) e o doutor Iguanna (Eiichi Jo). Os dois últimos são rivais na criação dos monstros de Desdark. Esses monstros carregam a expressão Mozu (leia-se mozú) no final de seus nomes e são chamados no plural. Goggle Five (também chamado de Goggle V) destrói os Mozus com o Goggle Victory Flash. O quinteto posiciona em forma de V (cinco em algarismo romano) as suas respectivas Goggle Sabre (espada) e energizam cada sabre com a respectiva energia da pedra protetora. Quando todas as energias se acumulam, ocorre o disparo do Goggle Victory Flash.

Nem tudo está resolvido. O castelo Destopia lança um Mozu em forma gigante. Eles também foram construídos por Sazoria e Iguanna. Esse gigante ressuscita o Mozu destruído pelo Goggle Victory Flash e o puxa para sua cabine, com o intuito de guiá-lo. Isso faz com que o Goggle Five chame a Goggle Nave (Goggle Caesar no original) que, para decolar, necessitava que o estádio Korakuen fosse erguido. Dentro dele estão a Goggle Jato (pilotado pelo Goggle Red), Goggle Tanque (guiado pelo Goggle Blue) e o Goggle Dump (guiado pelo Goggle Yellow), que compõem as partes do Goggle Robô, usado para enfrentar os mozus gigantes. Black e Pink ficam na Goggle Nave auxiliando o Goggle Robô. Os integrantes do quinteto também utilizavam veículos terrestres, como o Goggle Red, que possuía a moto Goggle Machine, e os demais que usavam a caminhonete Goggle Cougar.

A partir do episódio 15, o chefe Taboo (leia-se tabú), que vinha fracassando nas batalhas, decide trazer de volta à vida o comandante Desmark (Nakara Kikuchi), que estava, até então, em um sarcófago no fundo do mar. De dentro do mesmo sarcófago, saem as mutantes Bera (Mariko Ooki) e Bezu (Kumiko Shinbo), que são as guardiãs do ressuscitado. No mesmo episódio, por ordem de Taboo, Desmark mostra o quanto é cruel, ao matar Sazoria e Iguanna, pelo fato de os dois não terem lhe trazido o extrato da juventude. Por ser comandante, ele só fica abaixo de Taboo.

A partir do episódio 22, Midori se despede do Instituto de Ciências do Futuro, para trabalhar ao lado do professor Hongo em uma pesquisa. A partir do episódio 23, o comando o instituto passa a ser de Sayuri. No episódio 34, o Goggle Sabre é fortalecido com átomos de neometal cristalizado, que o Goggle Five havia impedido de serem tomados pelo Desdark. Com isso, o Goggle Victory Flash é substituído pela Golden Lança, formada pela união das espadas de cada Goggle Five.

Goggle Five entra em momento decisivo a partir do episódio 48. Desmark encarrega Mazurka de uma tarefa – oferece a ela um cargo de ministra, com Bera e Bezu (Bella e Beth no original) transformando-a em um ser invisível para invadir o Instituto de Ciências do Futuro. Para isso, Mazurka ingressa no Goggle Cougar sem que o Goggle Five perceba.

Ao obter êxito na invasão, a vilã liga o pingente para avisar de sua localização. De tanto procurar, Mazurka chega à sala de controle do Instituto e começa a destruição. Com o portão de entrada desativado e aberto, Desguiller e os Madaraman ingressam no instituto. Ao chegar na sala de controle, ele diz a Mazurka que o Desmark instalou no corpo dela uma bomba sem que ela estivesse ciente do fato. Ao tomar o detonador da bomba das mãos de Desguiller, a vilã aperta o botão e explode junto do Instituto. Por sorte, Goggle Five, Sayuri e os computer boys and girl conseguem escapar com a Goggle Nave.

No penúltimo episódio, o Goggle Five volta aos escombros do Instituto, encontra Desguiller ainda vivo e o socorre. O centro de controle do Instituto é reconstruído em outro local. Porém este é invadido pelo monstro Kuma-Mozu e Madaraman. Mesmo cambaleando, Desguiller ajuda o Goggle Five na batalha.

Em seguida o professor Hongo reaparece e leva o quinteto, Sayuri e os Computer Boys and Girl para uma segunda sede do Instituto erguida por ele em uma caverna. Sem perceberem, Desguiller os segue e comunica ao Desmark de sua nova localização. O quinteto sai para defender o novo Instituto. Após o Goggle Five destruir o Kuma-Mozu com a Golden Lança, Desmark fica prestes lançar o mesmo monstro em forma gigante e Desguiller decide assumir o seu comando. Mas o Goggle Robô destrói o gigante Kuma, com Desguiller e tudo.

Começa o ataque final de Desdark, com Desmark se mostrando invencível contra Goggle Five. Porém, os cinco sobrevivem e invadem o castelo Destoiía. Yellow rompe um obstáculo para os outros quatro seguirem em frente. Blue e Pink enfrentam Bera e Bezu que, na luta, assumem forma humana. Black enfrenta três samurais robôs, enquanto Red finalmente chega ao salão do castelo e conhece o chefe Taboo. Porém, tem de enfrentar Desmark primeiro. Após o confronto, quebra a cabine de Taboo que sai de dentro dela pela primeira vez.

Desmark e seus aliados deixam o castelo para enfrentar o Goggle Five do lado de fora. Red, Black e Yellow aniquilam os três samurais robôs, enquanto Blue e Pink dão cabo de Bera e Bezu. Em seguida, o quinteto tem dificuldades na luta contra Desmark e sua Espada Maligna. Porém, o Goggle Five usa a Golden Lança e o comandante vira estatística.

Resta o Destopía. Black e Pink disparam os mísseis da Goggle Nave, destruindo o castelo. Porém, o chefe Taboo sobrevive em forma gigante. Red, Blue e Yellow tomam seus transportes para formar o Goggle Robô. O gigante Taboo se mostra imbatível. O golpe da Espada Relâmpago Universal “apenas” corta as pernas de Taboo, que sai voando ao redor do Goggle Robô, como se fosse um fantasma. Goggle Robô ilumina sua espada e a lança contra Taboo, que finalmente é destruído. Goggle Five alcança a vitória final, dando fim aos milhares de anos da ciência maligna de Desdark. O quinteto se despede do Instituto de Ciências do Futuro, partindo para seguir rumos diferentes em suas vidas.

Goggle Five tinha como temática antigas civilizações e a ginástica rítmica. A última pode ser notada pelas armas individuais do quinteto. Goggle quer dizer óculos de proteção e a palavra inglesa foi adotada de modo a fazer alusão aos enormes visores nos capacetes do quinteto. Goggle Five foi o último sentai a usar cachecol no uniforme de combate. O primeiro da franquia a não ter o adereço é Dynaman (1983), que, justamente, sucedeu Goggle Five. Outra curiosidade diz respeito às iniciais do segundo nome do quinteto que significam, no idioma japonês, as cores que eles representam. Por exemplo aka de Akama vem de akai (vermelho), ao de Aoyama vem de aoi (azul), kuro de Kuroda vem de kuroi (preto), ki de Kijima vem de kiroi (amarelo) e momo (rosa) de Momozono.

A trilha sonora de Goggle Five é composta, em sua maior parte, por canções interpretadas pelo cantor MoJo, cujo nome verdadeiro é Ichiro Tomita. MoJo gravou o tema de abertura Dai Sentai Goggle Five e o encerramento Stop The Battle ao lado dos grupos corais Koorogi’73 e The Chirps. MoJo também gravou os temas de abertura e encerramento de Battle Fever J, Dynaman e Machineman. Intérprete de Miki/Goggle Pink, Megumi Ogawa cantou a canção-tema de sua personagem, Hanasaku Goggle Pink, ao lado de Yoshiko Hidaka.

Junichi Haruta, que vivia Kuroka/Goggle Black, é cria da JAC e fez questão de usar a roupa de combate do personagem. O sucesso fez o ator aceitar o convite para viver o Ryu Hoshikawa/Dyna Black no mencionado Dynaman. Junichi Haruta é bastante conhecido no Brasil por ter vivido o vilão McGaren em Jaspion. Outro conhecido de todos nós é o ator Noboru Nakaya, que deu vida ao professor Hongo. Ele também esteve no elenco de Jaspion, onde interpretou o profeta Edin. Noboru morreu aos 77 anos de enfisema pulmonar em 16 de novembro de 2006. Outro que esteve no elenco da supracitada série é Toshimichi Takahashi, que viveu os vilões Ikki e Gasami 1. Em Goggle Five, ele interpretou Desguiller.

Rolou um falso boato de que o Goggle Black foi o primeiro herói sentai a usar preto. Ledo engano, pois o primeiro foi o Battle Kenya de Battle Fever J (1979), inédito na televisão brasileira. Outro boato foi o de que Goggle Robô teve o primeiro robô gigante em um sentai. Na realidade o primeiro é o Battle Fever Robô do mencionado Battle Fever J.

Outro rumor levantado é o de que o ator Ryouji Akaki, intérprete de Akama/Goggle Red, teria morrido de câncer em 1995. Porém, o próprio ator desmentiu via e-mail a uma agência de notícias, no qual dizia que se aposentou do meio artístico no fim dos anos 1980 para se dedicar aos negócios. Ryouij Akaki era um nome artístico, já que o seu nome de batismo é Yoshiki Akagi.

Quem também não está mais no ramo da atuação é Megumi Ogawa, que vivia Miki/Goggle Pink. A princípio, ela não estava escalada para viver a sua personagem mais conhecida. O papel era de Akiko Hayasaka, que até fez um ensaio fotográfico promocional com os outros protagonistas, contudo, ela se deixou o projeto por razões desconhecidas.

Quem interpretou o papel da vilã Mazurka foi a atriz Mayumi Yoshida. Mas atenção: não se trata da mesma que deu vida a Lu/Pink Flash em Flashman. Elas só possuem o mesmo nome. Infelizmente, não tenho informações sobre os atores Shigeki Ishii (Aoyama/Goggle Blue) e Sanpei Godai (Kijima/Goggle Yellow)

O Estádio Korakuen, que era erguido para a decolagem da Goggle Nave, deixou de existir em 1987. Ao seu lado, foi erguido o Tokyo Dome, que passou a ser a casa principal do beisebol japonês. No terreno que abrigava o estádio Korakuen, existe hoje um imenso Parque de Diversões..

No Brasil, a Video Ban lançou uma fita VHS de Goggle Five, contendo apenas os três primeiros episódios da produção. Outro produto lançado por aqui foi uma revista em quadrinhos na qual o quinteto dividia a capa de um dos exemplares com o (pasmem!) Flash King, o robô de Flashman.

Goggle Five fez um enorme sucesso no Japão, ao contrário do Brasil. O motivo de não despertar a mesma paixão nos telemaníacos brasileiros seria os efeitos especiais do sentai que não eram “avançados” como em Jaspion, Changeman e Flashman. Mas para quem acompanhava tokusatsu na época, era um prato cheio.

Porém, o fato que pesou mesmo foi a sonoplastia. Esse é um assunto complexo de se falar aqui. Prefiro deixar aqui esse vídeo do canal TokuDoc para que vocês assistam. Ele explica detalhadamente o assunto:

Agora é hora de falar da dublagem, que ficou a cargo do estúdio Álamo. A direção foi de Nair Silva e Gilberto Barolli. O último dublou o Goggle Robô quando este gritava o nome da Espada Relâmpago Universal. O narrador dos episódios de Goggle Five era Carlos Alberto Amaral, que se tornou o locutor padrão de tokusatsu no Brasil a partir de Flashman.

Francisco Bretas manteve a sua fama de a voz dos vermelhos sentai dublando Akama/Goggle Red. Kuroda/Goggle Black ganhou a voz de Will Damas. Aoyama/Goggle Blue foi dublado por Mauro Eduardo, o mesmo que dublou Touha/Jiraya. Robson Raga emprestou sua voz para Kijima/Goggle Yellow. Ele também foi responsável por dublar alguns vilões em Jiraya. Miki/Goggle Pink foi dublada por Alessandra Araújo, a mesma que deu voz a Reiha, aliada de Jiraya.

O professor Hongo ganhou a voz de João Francisco Garcia, que dublou o vilão Dell Star em Jiraya. A voz do computer boy Tatsuya foi de Hermes Barolli, o mesmo de Manabu em Jiraya (outra vez!) e Sankichi em Lion Man. A computer girl Akane foi dublada por Rosana Perez. A segunda chefe do Instituto Midori teve a voz de Cristina Rodrigues, que havia dublado a Lu/Pink Flash em Flashman. A terceira chefe, Sayuri, foi dublada por Letícia Quinto, responsável por emprestar a voz a vários personagens de animes, como Sailon Moon e Dragon Ball, além de ter dublado a atriz brasileira Taís Araújo na novela colombiana Betty, a Feia.

Agora, falando dos Desdark, o chefe Taboo foi dublado por Nilson Nobre. O comandante Desmark teve a voz de Renato Master, que dublou o Akiyama em Jaspion e o doutor Kamasawa em Changeman. Ele também trabalhou como ator e seu papel mais lembrado é o do delegado Bordon na novela O Rei do Gado. O general Desguiller foi dublado por Luiz Antônio Lobue, o mesmo que emprestou a voz para o Lenin Wild de Jiraya e o Ryoichi/Saturno em Cybercop. Mazurka foi dublada por Nair Silva, a mesma que dublou a robô Mag em Flashman e as vilãs Gyoru em Jaspion e a Ahames em Changeman. Nair faleceu aos 70 anos, vítima de Covid-19, em 14 de dezembro de 2020.

A doutora Sazoria foi dublada por Zodja Pereira que deu vida a Emília na versão de 1968 do Sítio do Pica Pau Amarelo, transmitida pela TV Bandeirantes. Ela também dublou a Marcia de A Turma do Charlie Brown e a Benikiba em Jiraya. Zodja (leia-se Zodía) é casada com Gilberto Barolli. O doutor Iguanna foi dublado pelo saudoso Ricardo Medrado, o mesmo que assumiu a segunda voz de McGaren em Jaspion e de Tsuruji/Change Dragon em Changeman.

Em 1993, Goggle Five foi reprisado pela Record, junto de Machineman e Sharivan. Na época, a emissora paulista tinha a fama de só exibir antigos enlatados – termo utilizado para se referir a produções estrangeiras.

Windson Alves

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s