Vencedores do BAFTA 2021

A Academia Britânica de Artes Cinematográficas e Televisivas anunciou seus ganhadores neste fim de semana, 10 e 11 de abril, em cerimônia híbrida – com um tapete vermelho reduzido no Royal Albert Hall, em Londres, na Inglaterra, por onde desfilaram alguns dos apresentadores dos prêmios, e contando com a participação virtual dos indicados.

Os apresentadores e radialistas Edith Bowman e Dermot O’Leary deram início à cerimônia virtual, que não contou com público devido às restrições sociais consequentes do momento pandêmico. O evento começou com um tributo ao Príncipe Philip, Duque de Edimburgo, que faleceu na última sexta-feira, dia 9, aos 99 anos.

Nomadland confirmou seu favoritismo ao vencer quatro categorias no BAFTA 2021. O filme de Chloé Zhao levou os prêmios de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Atriz (para Frances McDormand) e Melhor Fotografia (merecidíssimo!).

Bela Vingança, longa dirigido por Emerald Fennell, foi outro dos destaques da premiação, sagrando-se Melhor Filme Britânico e Melhor Roteiro Original.

A maravilhosa Youn Yuh-Jung saiu vitoriosa na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante por Minari e aproveitou o momento para dar uma alfinetada nos britânicos durante seu discurso de agradecimento, ressaltando o quão significativo é vencer um prêmio que simboliza o reconhecimento de seu desempenho pelos britânicos, conhecidos (nas palavras dela) como pessoas muito esnobes, uma visão que parte de sua experiência pessoal.

Daniel Kaluuya se destacou como o Melhor Ator Coadjuvante por Judas e o Messias Negro. Trata-se da segunda vitória do ator na premiação. Em 2018, ele faturou o prêmio de Estrela em Ascenção no evento, quando também concorreu na categoria de Melhor Ator por Corra!.

Anthony Hopkins foi premiado Melhor Ator pelo longa Meu Pai (também merecido), filme que ainda levou a estatueta de Melhor Roteiro Adaptado.

E o ótimo O Som do Silêncio, sem surpresas, levou o prêmio de Melhor Som.

Abaixo, você confere os vencedores da 74ª edição do British Academy Film Awards:

MELHOR FILME
Nomadland

MELHOR FILME BRITÂNICO
Bela Vingança

MELHOR ESTREIA BRITÂNICA EM DIREÇÃO, ROTEIRO OU PRODUÇÃO
Remi Weekes (roteiro, direção) – O Que Ficou para Trás

MELHOR FILME EM IDIOMA NÃO INGLÊS
Another Round

MELHOR DOCUMENTÁRIO
Professor Polvo

MELHOR ANIMAÇÃO
Soul

MELHOR DIREÇÃO
Chloé Zhao – Nomadland

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL
Bela Vingança

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO
Meu Pai

MELHOR ATRIZ
Frances McDormand – Nomadland

MELHOR ATOR
Anthony Hopkins – Meu Pai

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE
Yuh-Jung Youn – Minari

MELHOR ATOR COADJUVANTE
Daniel Kaluuya – Judas e o Messias Negro

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL
Soul – Jon Batiste, Trent Reznor, Atticus Ross

MELHOR DIREÇÃO DE ELENCO
Rocks – Lucy Pardee

MELHOR FOTOGRAFIA
Nomadland

MELHOR MONTAGEM
O Som do Silêncio

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO
Mank

MELHOR FIGURINO
A Voz Suprema do Blues

MELHOR CABELO E MAQUIAGEM
A Voz Suprema do Blues

MELHOR SOM
O Som do Silêncio

MELHORES EFEITOS VISUAIS
Tenet

MELHOR CURTA ANIMADO BRITÂNICO
The Owl and the Pussycat

MELHOR CURTA BRITÂNICO
The Present

PRÊMIO DE ESTRELA REVELAÇÃO (VOTO POPULAR)
Bukky Bakray

Andrizy Bento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s