Nas Prateleiras: Lançamentos de Livros – Novembro (2020)

Darksiders podem comemorar! A Caveirinha traz uma tonelada de lançamentos para todos os gostos literários neste mês de novembro. Pela linha DarkLove, temos: Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial de Becky ChambersA Noite do Tigre de Yangsze ChooMulheres Extraordinárias: As Criadoras e a Criatura de Charlotte Gordon; Ela e o Monstro de Linda BaileyDivinas Mulheres de Ann Shen A Sonata Perfeita de Rose Tremain; e pela DarkLove Classics, a editora lança uma nova edição impecável e imperdível de O Morro dos Ventos Uivantes de Emily Brontë. Já pelo aterrorizante selo Macabra, sai Livros de Sangue: Volume 1 de Clive Barker; Invasores de Corpos de Jack Finney e A Garota da Casa ao Lado de Jack Ketchum. A editora ainda publica um livro indispensável para os fãs da Dama do Crime: Dicionário Agatha Christie de Venenos de Kathryn Harkup. Saindo dos domínios da caveira, a Editora Record lança o novo livro de Stephen Chbosky, autor de As Vantagens de Ser Invisível, Amigo Imaginário em uma edição limitada. Pela mesma editora, é publicada uma edição especial de O Poderoso Chefão, clássico de Mario Puzo. A Fazenda dos Animais de George Orwell é publicado no Brasil pela primeira vez com o nome original e com ilustrações da brasileira Vânia Mignone e compreende uma das novidades da Companhia das Letras. Para os fãs de Outlander, a Arqueiro traz o oitavo volume da aclamada série de Diana Gabaldon, intitulado Escrito Com O Sangue Do Meu Coração. E a Universo dos Livros lança Imagina-me, novo livro da série Estilhaça-me de Tahereh Mafi. Abaixo, você confere capas e sinopses dos principais lançamentos literários de novembro:

Amigo Imaginário – Edição especial limitada
Stephen Chbosky
Record

Amigo Imaginário é o novo livro do autor de As Vantagens de Ser Invisível. Edição limitada acompanhada de ecobag exclusiva. Kate Reese está fugindo. Determinada a buscar uma vida melhor para ela e para o filho Christopher, ela abandona um relacionamento abusivo e escapa no meio da noite junto com seu garotinho. Eles acabam se sentindo atraídos pela agradável comunidade de Mill Grove, na Pensilvânia, uma cidadezinha distante de tudo e de todos, com apenas uma estrada de acesso. A princípio, Mill Grove parece o lugar perfeito para eles se estabelecerem. Porém, Christopher desaparece por seis longos dias sem deixar nenhum rastro. O desespero toma conta de Kate, e a polícia da cidade faz buscas incansáveis para descobrir o paradeiro do menino. Até que ele surge no meio da noite saindo de um bosque nos limites da cidade. Ileso, mas mudado. Christopher volta com uma voz na cabeça que apenas ele pode ouvir e com uma missão que apenas ele pode cumprir: construir uma casa na árvore no bosque da Mission Street antes do Natal; caso contrário, sua mãe e todos na cidade sofrerão as consequências. Vinte anos depois de As Vantagens de Ser Invisível fazer com que leitores do mundo inteiro se sentissem infinitos, Stephen Chbosky está de volta com Amigo Imaginário, uma obra épica de horror, cujas escala e emoções que carrega redefinem o gênero. Leia com as luzes acesas.

“Não consegui parar de ler. Com certeza, foi o livro mais assustador que li em muito tempo. Bosques misteriosos, forças do mal, universos secretos. Mas é também, assim como tudo o que Chbosky faz, imbuído de amor e alma. Os leitores vão se apaixonar pelos personagens.” – R. J. Palacio, autora do best-seller Extraordinário

“Um livro assombroso e emocionante, dominado pela empatia poderosa que faz do trabalho de Chbosky tão especial.” – John Green, autor de A Culpa É das Estrelas

O Segredo de Rose Gold
Stephanie Wrobel
Verus

As mães nunca esquecem. As filhas nunca perdoam. Em O Segredo de Rose Gold, por dezoito anos, Rose Gold Watts acreditou estar seriamente doente. Era alérgica a tudo e vivia em hospitais. Chegou a pensar que precisasse mesmo da sonda gástrica, das cirurgias, da cadeira de rodas… Os vizinhos faziam o possível para ajudar, mas, não importava por quantos médicos a menina passasse, quantos exames ou cirurgias realizasse, ninguém sabia o que havia de errado com ela. Acontece que a mãe dela, Patty Watts, é uma ótima mentirosa. E, após cinco anos na prisão, ela está finalmente livre. Tudo o que Patty quer é deixar as mágoas para trás, fazer as pazes com a filha – que testemunhou contra ela – e cuidar do neto. Assim, quando Rose Gold concorda que Patty vá morar com ela, parece que o relacionamento entre mãe e filha está, de fato, caminhando para a reconciliação. Mas Rose Gold conhece a mãe. Patty sempre acerta suas contas. Só que, infelizmente para ela, Rose Gold não é mais sua filhinha querida… e estava apenas aguardando que a mãe voltasse para casa.

Quanta Coisa Pode Estar Logo Ali
Lola Salgado
HarperCollins

Amadurecer é uma droga. De repente, vemos a aproximação da vida adulta e, com ela, das inevitáveis obrigações. Como, de um dia para o outro, temos que decidir qual faculdade queremos cursar, onde queremos trabalhar e como será o nosso futuro? E por que parece que algumas pessoas têm tanta facilidade em tomar essas decisões? Esses são os questionamentos de Olívia ao se ver obrigada a se inscrever em um vestibular para um curso que nem queria fazer. Como se não bastasse, seu pai, que a abandonou quando ainda era pequena, agora deseja uma chance de mostrar que mudou e que merece sua confiança. Em meio aos acordes das músicas de seu grupo preferido, às discussões com a mãe, às dúvidas em relação ao pai e ao que fazer da vida, uma não tão inesperada viagem fará com que Olívia descubra mais sobre si do que imaginava.

Sem Lógica para o Amor
Tracey Garvis Graves
Jangada

Annika e Jonathan se conhecem em uma partida de xadrez muito disputada no clube da Universidade de Illinois em 1991. Em meio a dificuldades de adaptação à vida independente após anos estudando em casa, Annika, apoia-se na colega de quarto para obter orientação sobre como se comportar em diversas situações da vida. Os dois confortos de Annika são jogar xadrez e ser voluntária na Clı́nica de Animais Silvestres. Jonathan, um estudante transferido de outra universidade, busca um recomeço após fazer escolhas equivocadas. Unidos pelas circunstâncias, os dois embarcam em um relacionamento, que termina de maneira abrupta. Em 2001, os dois se reencontram por acaso em um mercado de Chicago. Jonathan trabalha com finanças e é recém-divorciado. Annika, agora bibliotecária pública e mais hábil em situações sociais, está determinada a provar que o amor deles merece uma segunda chance. Entretanto, antes de reatarem, eles devem encarar a verdade sobre o motivo pelo qual o relacionamento deles se desfez.

Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial
Becky Chambers
Darkside

Darksiders, chegou a hora de embarcar em mais uma aventura no outro lado do Universo. Há muitos mistérios para desvendar e novos lugares para descobrir. Apertem os cintos e respirem fundo. Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial está entre nós. Séculos atrás, os últimos humanos deixaram a Terra em busca de um novo lar. Hoje, a Frota do Êxodo é uma relíquia viva, um lugar de onde muitos vieram, mas que poucos conheceram. À medida que seus tripulantes decidem ir viver em cidades alienígenas ou colônias terrestres, os que optam por permanecer nessa comunidade extremamente frágil começam a se perguntar: qual o propósito de uma nave que chegou ao seu destino? Por que continuar no espaço quando há tantos mundos habitáveis para se viver? Qual o preço de manter esse estilo de vida? Vale a pena fazer isso? Assim como os outros títulos da série Wayfarers, Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial é uma história independente que dialoga com o rico universo criado por Becky Chambers. Ou seja, o livro pode ser lido tanto por quem já acompanha a autora quanto pelos novos leitores que querem se apaixonar por ficção científica. A trama desta nova aventura se inicia a partir dos eventos finais de A Longa Viagem a um Pequeno Planeta Hostil e acompanha o cotidiano de um pequeno grupo que vive no espaço. Seguindo os passos da pioneira Ursula K. Le Guin, Becky Chambers desconstrói velhos clichês e quem sai ganhando são os amantes da literatura sci-fi ― de todos os gêneros e espécies. O que encanta em Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial são as discussões em comum com a vida que levamos do lado de cá: sonhos e planos, relações familiares, sexualidade e nosso papel como indivíduos de uma sociedade. Uma história reflexiva e emocionante sobre o que significa ser humano. Becky Chambers é uma revolução no universo da ficção científica. A Longa Viagem a um Pequeno Planeta Hostil conquistou a crítica especializada e os fãs do gênero, sendo indicado para prêmios respeitados, como o Arthur C. Clarke Award e o Hugo Award. Agora, Os Registros Estelares de uma Notável Odisseia Espacial chega para deixar a linha DarkLove ainda mais encantadora. A marca reúne livros escritos por autoras com grandes histórias para contar, prontas para desbravar novos mundos.

A Noite do Tigre
Yangsze Choo
Darkside

Uma das autoras mais adoradas da linha DarkLove está de volta. Inspirada por lendas e superstições do folclore chinês, Yangsze Choo combina fantasia e mistério na Malaia nos anos 1930 em A Noite do Tigre, o novo lançamento da DarkSide® Books. Quem já se deixou encantar pelo amor sobrenatural de A Noiva Fantasma sabe quão envolvente e poderosa é a prosa de Yangzse Choo. E neste livro ela não faz diferente, a começar pelos seus dois improváveis protagonistas: um criado órfão de onze anos de idade e uma jovem que sonha ser médica, mas trabalha como costureira de dia, e dançarina de noite. O pequeno órfão Ren acredita em sinais e em destino também. Antes de morrer, seu velho mestre lhe faz um último pedido: que ele encontre o dedo que perdeu em um acidente anos atrás, para que seja enterrado junto com o corpo. De acordo com essa crença folclórica, Ren tem 49 dias para restituir o dedo à sepultura, caso contrário, a alma de seu mestre ficará condenada a vagar entre dois mundos, sem descanso por toda a eternidade. A bela Ji Lin é uma moça talentosa e inteligente, que sempre se destacou nos estudos. Mas a vida não oferece muitas oportunidades de independência para as mulheres na Malaia dos anos 1930. Quando ela se vê obrigada a abandonar seu sonho de cursar uma universidade, não sobram muitas alternativas para seu futuro além de ser aprendiz em um ateliê de costura. Traumatizada com o relacionamento de sua mãe com um padrasto taciturno e possessivo, Ji Lin está decidida a traçar sozinha seu caminho no mundo, sem um marido que a sustente em troca da perda de sua liberdade. Ao descobrir que a mãe esconde dívidas do padrasto, temendo sua fúria explosiva, Ji Lin arruma um emprego extra como dançarina em um salão, para ajudar a mãe a quitar as parcelas restantes em segredo. Quando um dos seus clientes deixa cair um dedo amputado do bolso, os caminhos de Ren e Ji Lin se encontram em uma trama ágil de suspense, afinidades inusitadas, lealdade, amor e um tigre, cujas pegadas misteriosas conduzem o romance a um desfecho extraordinário. Escolhido para o clube do livro Hello Sunshine, da atriz Reese Whiterspoon, A Noite do Tigre assim como os outros títulos da marca DarkLove é uma história para guardar no coração. Seja acompanhando o universo de Ren na casa de seu novo patrão, um enigmático cirurgião britânico, ou tecendo a história de amor de Ji Lin com seu meio irmão, o texto maduro e surpreendente de Yangsze Choo oferece uma experiência inesquecível.

Mulheres Extraordinárias: As Criadoras e a Criatura
Charlotte Gordon
Darkside

Mary Wollstonecraft e Mary Shelley nunca se conheceram de fato. Ainda assim, suas histórias estão inevitavelmente entrelaçadas por escolhas, sonhos e tragédias curiosamente similares. Ambas se tornaram escritoras famosas. Apaixonaram-se por homens geniais e impossíveis. Foram mães solteiras, com filhos fora do casamento. Viveram em exílio. Lutaram por uma posição na sociedade. Desafiaram os costumes da época. E eram mãe e filha. De um lado, a autora de Reivindicação dos Direitos da Mulher, uma das obras fundadoras do feminismo, que denunciou a exclusão das mulheres aos direitos básicos no século 18. De outro, a criadora de Frankenstein, verdadeiro ícone do terror ― e primeiro livro a ser lançado na coleção Medo Clássico da DarkSide® Books. Mulheres Extraordinárias: As Criadoras e a Criatura, biografia premiada assinada pela poeta e biógrafa Charlotte Gordon, enreda as vidas de Wollstonecraft e Shelley em uma verdadeira jornada entre gerações visionárias: duas mulheres que, embora tenham vivido poucos dias na companhia uma da outra ― Wollstonecraft morreu dez dias depois de dar à luz, de febre puerperal ―, compartilham um legado literário transformador. Por anos, estudiosos subestimaram o impacto de Wollstonecraft sobre Shelley; vistas como figuras desvinculadas que representavam filosofias e movimentos literários diferentes, parecia improvável que qualquer elo além da maternidade pudesse sequer existir. Neste livro, Charlotte Gordon revela como a influência de Wollstonecraft sobre a filha foi, na verdade, extremamente profunda. Shelley, que cresceu lendo e relendo os livros da mãe, nutriu o desejo de se tornar alguém e criar uma obra própria. Wollstonecraft, por sua vez, destinou boa parte de seu trabalho para a geração seguinte, visando um mundo mais justo e igualitário. Mulheres Extraordinárias: As Criadoras e a Criatura mostra como Wollstonecraft e Shelley ― vozes muito à frente de seu tempo ― permanecem exemplos para quem luta contra as injustiças de gênero de uma sociedade marcada pelo patriarcado. Envolvente e esclarecedor, o livro descortina duas vidas que deixaram como legado, sobretudo, a mensagem de resistência feminina. O livro é mais uma obra de não ficção a integrar a coleção DarkLove, a marca da DarkSide® Books especialmente pensada para corações românticos e valentes.

Ela e o Monstro
Linda Bailey
Darkside

Uma noite, a tempestade mais forte de todas chegou. Inspirado pelo clima assustador, um famoso poeta propôs um desafio: que todas as cinco pessoas que estavam ali sentadas diante da lareira escrevessem uma história de fantasmas para passar o tempo. Naquela mesma noite, Mary Shelley, então com apenas dezoito anos de idade, teve um devaneio sobre um monstro abominável, feito de partes mortas, que voltava à vida. E, um ano e meio depois, Frankenstein foi publicado pela primeira vez. A DarkSide® Books anuncia seu mais novo lançamento da marca DarkLove: Ela & O Monstro, escrito por Linda Bailey e ilustrado por Júlia Sardà. Chegou a hora dos pequenos e grandes leitores conhecerem melhor uma das escritoras mais importantes da literatura ― e como ela criou um dos contos de terror mais famosos de todos os tempos.Quem foi Mary Shelley? Quem era sua mãe? Como Mary foi parar ali na frente da lareira em uma noite de raios e trovões? E, principalmente, por que ela decidiu dar vida a um sonho tão assustador? Com uma narrativa instigante, Ela & O Monstro revela o processo de inspiração de Mary Shelley, considerada a primeira grande autora de ficção científica. Um livro para guardar no coração e ler com toda a família, que chega com o tratamento especial da DarkSide® Books: capa dura, formato especial e ilustrações de fazer o coração parar… até ele começar a bater de novo.

Divinas Mulheres
Ann Shen
Darkside

As deusas vêm de todos os lugares do mundo. Algumas criaram tudo aquilo que conhecemos hoje; outras já existiam antes mesmo do próprio tempo. Embora suas histórias sejam diferentes, todas possuem algo em comum: essas mulheres inigualáveis encontraram a força dentro de si mesmas e são símbolos para os tesouros e valores que buscamos em nossas vidas.Nós crescemos ouvindo histórias sobre protagonistas corajosas e resilientes, cujas vidas fantásticas nos fizeram sonhar com paraísos e terras distantes. Chegou a hora de trazer essas aventuras mais para perto. É com muito amor e um tantinho de magia que a DarkSide® Books convida você a embarcar na leitura de Divinas Mulheres. Revelando as histórias de 50 deusas e seus mitos, Divinas Mulheres mostra como essas divindades grandiosas impactaram nossa cultura e como elas não apenas nos inspiram, mas também empoderam através de sua força, amor e compaixão. Busque o conselho das deusas quando precisar de direção e criatividade para tocar seus projetos pessoais. Ou quando faltar coragem para vencer os obstáculos da vida mortal. Com seus feitos de valentia e sacrifício, elas podem proteger, prover fortuna e prosperidade e até mesmo abrir os caminhos do amor em qualquer momento de nossas vidas. Acima de tudo, elas farão com que você se conecte consigo mesmo ― e trarão mais cor à vida cotidiana. Todos temos um pouquinho de cada deusa dentro de nós. Lado a lado, elas nos ajudam a construir uma vida melhor. E caso você não saiba como honrá-las, não se preocupe: Ann Shen explica em detalhes qual deusa você pode buscar para receber orientação e como fazer isso. Divinas Mulheres é o novo lançamento da linha DarkLove, que revela novos talentos da literatura de todos os panteões do mundo, para todas as idades. Com as ilustrações coloridas e vibrantes de Ann Shen, ele chega em uma edição para divindade nenhuma botar defeito.

A Sonata Perfeita
Rose Tremain
Darkside

Para Gustav Perle, a vida deve ser vivida com reserva, autocontrole e, acima de tudo, neutralidade. “Você precisa ser como a Suíça”, diz sua mãe. “Você deve manter-se forte e corajoso. Assim, viverá do jeito certo.” Crescer na Suíça após a Segunda Guerra Mundial em um apartamento apertado não é fácil. E na companhia de sua mãe, que não consegue nutrir nenhuma espécie de afeto especial por ele, é ainda mais complicado. Gustav quer viver a vida que sempre sonhou. A vida de Anton Zweibel, por exemplo, seu mais novo colega de classe, um menino judeu que sonha em ser pianista. O selo que mais emociona os darksiders apresenta seu mais novo lançamento: A Sonata Perfeita, de Rose Tremain. Com a narrativa emocionante de Em Algum Lugar nas Estrelas, de Clare Vanderpool, e a ternura de Leve-me com Você, de Catherine Ryan Hyde, o livro chega para trazer ainda mais ternura para a marca DarkLove ― e lembrar que o amor pode se manifestar das mais diversas formas e salvar vidas. A Sonata Perfeita é um livro poderoso e tocante que acompanha a história de Gustav e Anton ao longo de suas vidas, explorando seus relacionamentos familiares, seus dilemas internos e as transformações na amizade conforme os anos passam. E é com uma sensibilidade ímpar que Rose Tremain narra as doloridas repercussões da guerra dentro das paredes de neutralidade da Suíça e resgata as origens do antissemitismo da mãe de Gustav. Quieto e melancólico, terno e frágil, com uma estrutura similar a de uma sonata e o impacto de uma bela melodia. A Sonata Perfeita é um romance sobre como o passado afeta diretamente o presente ― mas, principalmente, sobre como precisamos aprender a seguir em frente, não importa o que aconteça.

Kianda: A Sereia de Angola Que Veio Visitar o Brasil
Raul Lody
Pallas Mini

Kianda, uma sereia que vive em Angola, resolve atravessar o Oceano Atlântico para conhecer Iara, a sereia do Rio Amazonas, e o Brasil, país do qual ouviu tantas histórias e que tanto tem em comum com a cultura e povos do continente africano. Em sua viagem, encontra entidades africanas das águas, como Olokun e Iemanjá, se encanta com as belezas do Oceano Atlântico, e, finalmente, encontra Iara, que vira sua amiga e que lhe ensina sobre a importância do Rio Amazonas para o Brasil.

A Troca
Beth O’Leary
Intrínseca

Autora do best-seller Teto Para Dois volta com um novo livro divertido e comovente sobre recomeços. Leena Cotton tem 29 anos e sente que já não é mais a mesma. Eileen Cotton tem 79 e está em busca de um novo amor. Tudo de que neta e avó precisam no momento é pôr em prática uma mudança radical. Então, para colocar suas respectivas vidas de volta nos trilhos, as duas têm uma ideia inusitada: trocar de lugar uma com a outra. Leena sabe que precisa descansar, mas imagina que a parte mais difícil será se adaptar à calmaria da cidadezinha onde a avó mora. Cadastrada em um site de relacionamentos, Eileen por sua vez embarca na aventura com a qual sonha desde a juventude. Dividindo o apartamento com dois amigos da neta, ela logo percebe que na cidade grande suas ideias mirabolantes não são tão complicadas assim. Ao trocar não só de casas, mas de celulares e computadores, de amigos e rotinas, Leena e Eileen vão descobrir muito mais sobre si mesmas do que imaginam. E se tudo der certo, talvez destrocar não seja a melhor solução.

O Poderoso Chefão – Edição especial limitada
Mario Puzo
Record

O Poderoso Chefão é um clássico da literatura que inspirou um dos maiores filmes de todos os tempos. Em comemoração ao centenário de nascimento de Mario Puzo, agora em edição especial em capa dura e com nova tradução de Denise Bottmann. Tiragem limitada acompanhada de pôster A3. Tirano, chantagista, e assassino – sua influência chega a todos os níveis da sociedade americana. Conheça Don Corleone, um homem amigável, um homem justo, um homem arrazoado. O capo mais mortal da Máfia, o padrinho, o poderoso chefão. Mas nenhum homem se mantém no topo para sempre, não quando ele tem inimigos dos dois lados da lei. À medida que o já idoso Vito Corleone se aproxima do fim de uma longa vida no crime, seus filhos precisam se preparar para administrar os negócios da família. Sonny Corleone já atua nos negócios da família há anos; o veterano da Segunda Guerra Mundial Michael Corleone, porém, não está acostumado com o submundo e reluta em mergulhar na rede de crimes e poder político. Tanto a polícia como os implacáveis chefes do crime rivais sentem o cheiro de sangue. Para que a família Corleone sobreviva, ela precisa de um novo Don. Mas o preço do sucesso em uma vida violenta pode ser alto demais para suportar… Uma obra-prima moderna, O Poderoso Chefão é um retrato contundente do submundo do crime dos anos 1940. Chocante mesmo cinquenta anos depois de ter sido publicado pela primeira vez, essa história convincente de chantagem, assassinato e valores familiares é um verdadeiro clássico.

“Poderoso e simplesmente brilhante.” – The Guardian

Dicionário Agatha Christie de Venenos
Kathryn Harkup
Darkside

Agatha Christie, a grande dama do romance policial, se deleitava ao usar veneno para matar as infelizes vítimas em seus romances. De fato, envenenamento foi o método mais utilizado quando era preciso eliminar alguém sem deixar pistas e, com frequência, o próprio veneno é parte central de muitas de suas obras. O que poucos sabem é que a escolha de substâncias mortais estava longe de ser aleatória. Muitas vezes, as características de cada um dos venenos selecionados fornecem pistas cruciais para a descoberta do assassino. Se com tiros e facadas a causa da morte é óbvia, este não é o caso dos venenos. Mas como é que alguns compostos são tão letais, ainda que em quantidades tão pequenas? O extenso conhecimento da romancista sobre química compõe a essência deste Dicionário Agatha Christie de Venenos. Durante a Primeira Guerra Mundial, a escritora atuou como enfermeira voluntária em um hospital de sua cidade, Torquay, Inglaterra, e quando um novo dispensatório foi aberto na instituição, ela foi trabalhar lá. A nova função exigia treinamento adicional e exames para se qualificar como auxiliar de farmácia ou dispensária, o que Christie fez em 1917. Na época, as receitas médicas eram preparadas à mão; venenos e substâncias perigosas eram pesados e verificados com cuidado antes de ser entregues. Ao longo dos anos, a Dama do Crime montou uma biblioteca médico-legal considerável, sendo The Extra Pharmacopoeia, a obra mais completa e importante de Martindale, o livro mais consultado de sua coleção. Kathryn Harkup, com formação na área química, investiga catorze venenos usados pelos assassinos em catorze mistérios clássicos de Agatha Christie, e analisa como certos produtos químicos interagem com o corpo e por que matam. Além disso, a autora, leitora e grande fã da obra de sua homenageada, detalha os casos que podem ter inspirado Christie e a viabilidade de obter, administrar e detectar esses venenos, tanto na época em que os romances foram escritos quanto hoje. O minucioso trabalho de Harkup inclui ainda uma incrível pesquisa com o resumo de todos os assassinatos relacionados à veneno na obra de Christie. Como afirma a autora no texto de abertura do Dicionário Agatha Christie de Venenos, “Christie se aproveitou de seu detalhado conhecimento sobre substâncias perigosas para desenvolver as tramas. Usou venenos na maior parte dos livros, muito mais do que qualquer um de seus contemporâneos, e com alto grau de precisão, mas não esperava que o leitor tivesse perícia médica. Os sintomas e a eficácia das substâncias são descritos de modo sucinto e na linguagem cotidiana […]. Compreender a ciência por trás dos venenos que Christie usava só permite apreciar ainda mais sua inteligência e criatividade ao tecer tramas”. Dicionário Agatha Christie de Venenos é uma obra para todos os fãs de Christie, de mistério e de true crime, mas também para aqueles que gostam de conhecer a ciência e o raciocínio lógico que se esconde por trás de grandes obras literárias. Uma verdadeira celebração do uso da ciência pela eterna Dama do Crime que nos envenenou com seu talento.

Box H. P. Lovecraft: O Panteão dos Mitos
H.P. Lovecraft
Pandorga Editora

Ainda que tudo esteja em meio às trevas e pouquíssimo se sabe além dos relatos horripilantes das vítimas, existe uma hierarquia entre os seres míticos que habitam o cosmos e os pesadelos dos mortais. Os estudiosos os dividem em Deuses Exteriores e Anciãos, entidades tão distantes que nosso mundo para eles é só mais um na imensidão; em Grandes Antigos, que reinarão novamente na Terra ao despertarem; e por fim, mas não menos aterrorizantes, temos os Serviçais e algumas Raças Independentes, que servem ou se opõe ao poder dos deuses. Eis aqui, reunidas nesse compêndio, características de algumas das principais entidades que compõe o Panteão dos Mitos, com as quais você certamente deve se preocupar. A história sobre o famigerado Necronomicon também está por aqui. Tivemos a audácia de ilustrá-los para que os reconheça facilmente, se algum dia, por infortúnio, cruzar com um.

O Diabo e Outras Histórias
Liev Tolstói, Ana Lobo
Companhia das Letras

Escritos entre 1858 e 1904, os cinco contos aqui reunidos são pequenas obras-primas do autor de Guerra e Paz. “Três Mortes”, “Kholstomier”, “O Diabo”, “Falso Cupom” e “Depois do Baile” sintetizam, com maestria, os temas presentes na vasta produção do autor de Anna Kariênina: paixão, ciúme, morte, traição, consciência moral, decadência da aristocracia, vida no campo e dilemas da justiça. Em “Três mortes”, o autor examina como o final da vida pode ser distinto ao descrever a morte de uma velha senhora, de um cocheiro e de uma árvore. Os entraves da civilização e da natureza retornam em “Kholstomier”, conto sobre um puro-sangue que, para decepção de seu dono, nasceu malhado. Publicado postumamente, “O diabo” narra uma história de amor atormentada pelo ciúme, enquanto “Falso cupom” condensa as ideias do escritor sobre a religião, a utopia e o modo como a fé e o Estado se relacionam. “Depois do baile”, por fim, traz a produção tardia de Tolstói em um conto sobre política e moral, entremeado por uma paixão arrebatadora. Posfácio de Paulo Bezerra.

Tragam os Corpos: 2
Hilary Mantel
Todavia

Estamos em 1535. Henrique 8º, o volúvel monarca da Inglaterra, ainda não tem um filho para legar a Coroa. Reis sem herdeiros jamais se sentem seguros em seus próprios tronos, e Henrique acaba por projetar a culpa pela crise sucessória em sua segunda esposa, Ana Bolena. O coração do monarca agora pertence a Jane Seymour. Ocorre que os parentes e amigos de Ana estão espalhados por altos cargos do reino, e os desejos do rei podem mergulhar a Inglaterra no caos político. Quem desataria esse nó? Mais uma vez, os rumos da Inglaterra serão traçados por Thomas Cromwell, ministro que arquitetou a separação entre a Inglaterra e a Igreja de Roma. Também foi ele quem alçou Ana Bolena ao trono inglês ― e agora terá de levar sua antiga aliada ao cadafalso. Em Tragam os corpos ― continuação de Wolf Hall ―, Hilary Mantel retrata o lado mais implacável de seu fascinante protagonista, cujas contradições fazem deste livro uma extraordinária reflexão sobre as ambiguidades do poder ― e o terrível custo a ser pago por aqueles que inscrevem seus nomes nas entrelinhas da História.

Erguei Bem Alto a Viga, Carpinteiros & Seymour: Uma Introdução
J. D. Salinger
Todavia

Os leitores de J. D. Salinger estão familiarizados com os Glass. Figurando em algumas das histórias mais conhecidas do escritor, como Um Dia Perfeito Para Peixes-Banana” e Franny & Zooey, eles são uma família de prodígios juvenis agora às voltas com os dilemas e dissabores da vida adulta. Nessas duas histórias, narradas por Buddy Glass, finalmente vamos conhecer mais sobre a vida de Seymour, o grande mistério que paira sobre toda a família.

Os Supridores
José Falero
Todavia

Com este seu primeiro romance, José Falero já se apresenta como um dos nomes mais relevantes da nova literatura brasileira. Ao criar um narrador culto e perspicaz ― que contrasta com o dialeto a um só tempo urbano e filosófico da periferia ―, o autor mostra seu talento incomum, fazendo uma verdadeira arqueologia da pobreza. Falero nos leva direto ao supermercado Fênix, na região central de Porto Alegre. É ali que trabalham Pedro e Marques, dupla que aos poucos veste a carapuça de um Dom Quixote e de um Sancho Pança amotinados. Moradores de “vila” (a favela no Sul), eles invertem o jogo mesmo que as consequências sejam graves. “Preciso dar um jeito de experimentar a coisa que faz a existência valer a pena, e não vai ser trabalhando que eu vou conseguir isso.” Os dois conhecem pessoas que traficam na periferia onde moram, por isso insistem em se manter na legalidade. Mas, diante de uma “seca” de maconha devido ao desinteresse dos traficantes em comercializá-la, e já cansados da exploração do trabalho, os dois amigos decidem entrar para o tráfico. É a única opção para melhorar de vida. E também uma recusa à desumanização do trabalho assalariado. Uma recusa a todo o processo de exploração.

Quase Normal: Contos
Zeca Camargo (Autor)
Todavia POD

Reunião de 20 contos relacionados à pandemia, Quase Normal apresenta ao leitor a faceta ficcionista do jornalista Zeca Camargo. Escritas com leveza e tratando de questões bastante atuais sob a ótica do chamado “novo normal” ― como o mundo do trabalho, as questões de gênero, as hoje quase infinitas reuniões por vídeo ―, as histórias abrem uma janela a um só tempo divertida e delicada sobre esses tempos que estamos vivendo.

Talvez Agora – Edição especial limitada
Colleen Hoover
Galera Record

Colleen Hoover retorna a história de Ridge, Sydney, Maggie, Warren e Bridgette em Talvez Agora, com novos cenários e personagens ainda mais comoventes. Talvez Agora – Sequência de Talvez Um Dia – coloca em evidência a vida dos personagens apresentados no livro anterior após Ridge e Sydney terem, finalmente, oficializado seu relacionamento. Agora que o relacionamento de Ridge com Maggie terminou, ele e Sydney estão explorando completamente essa nova liberdade de expressar seus sentimentos. No entanto, ele e Warren são o único suporte de Maggie… e devem aprender a lidar com a situação nesse novo contexto. Enquanto isso, Maggie está desfrutando da nova etapa de sua vida, embora ainda sinta algum ressentimento por tudo o que aconteceu. Após tantos anos vivendo uma relação já estável – e morna – com Ridge, Maggie não consegue prever o que a aguarda. A insegurança com relação a sua doença, o desejo de independência e a ânsia de viver novas e empolgantes experiências É nesse meio que entra Jake, o rapaz que a ajudou a cumprir o primeiro item em sua lista de coisas para fazer: pular de paraquedas. Ele está tão interessado nela quanto ela nele, mas Maggie arriscará viver um novo relacionamento e deixar o passado para trás? Por outro lado, Sydney, ao finalmente engatar a relação com Ridge, se vê realizada… Ridge representa tudo o que sempre sonhou em alguém e a química entre os dois é evidente. No entanto, a constante proximidade de Maggie a preocupa… E, mais uma vez, ela deverá ser forte para lidar com o assunto com o equilíbrio e maturidade que ele exige. Embalado por uma atmosfera musical e tratando de temas como amizade, lealdade e, principalmente, o real significado de união, Colleen Hoover retorna com a continuação de uma – ou várias? – história de amor, situações-limite e, principalmente, personagens perfeitamente imperfeitos. Talvez Agora é contada não só sob um, mas vários prismas – e, como um bom romance, não podem faltar as boas doses de risos e as lágrimas.

A Fazenda dos Animais – Edição especial
George Orwell, Vânia Mignone (Ilustrador)
Companhia das Letras

Uma das obras mais emblemáticas do século XX ganha edição atualizada com nova tradução, projeto gráfico especial e ampla fortuna crítica. A história é conhecida: cansados da exploração a que são submetidos pelos humanos, os animais da Fazenda do Solar se rebelam contra seu dono e tomam posse do lugar, com o objetivo de instituir um sistema cooperativo e igualitário. Mas não demora para que alguns bichos voltem a usufruir de privilégios, fazendo com que o velho regime de opressão regresse com ainda mais força. Escrita em plena Segunda Guerra Mundial e publicada em 1945, A Fazenda dos Animais é uma alegoria satírica sobre os mecanismos do poder e tudo aquilo que leva à corrosão de grandes ideias e projetos de revolução. Pela primeira vez no Brasil, o clássico de George Orwell é publicado com seu título original. Com nova tradução, de Paulo Henriques Britto, e projeto gráfico especialíssimo ― com capa em tecido, corte impresso e obras da artista brasileira Vânia Mignone ―, este A Fazenda dos Animais conta também com uma série de ensaios que cobrem a recepção crítica do livro desde o seu lançamento até os dias de hoje.

Box Cósmico Maldito: Histórias Ocultas de H.P. Lovecraft
H.P. Lovecraft
Novo Século

BOX EXCLUSIVO REUNINDO AS HISTÓRIAS MAIS OCULTAS DO MESTRE DO HORROR. “A mais antiga e poderosa emoção do ser humano é o medo, e o mais ancestral e poderoso tipo de medo é aquele que temos diante do desconhecido.” Assim declarou Howard Phillips Lovecraft no início de seu conhecido ensaio “O horror sobrenatural na literatura”, publicado em 1927. Este box especial, que reúne as histórias mais ocultas do mestre do horror cósmico, acompanhado de um cuidadoso suplemento de leitura, não apenas evoca esse medo ancestral, mas também permite ao leitor ter percepções sensoriais aterrorizantes. Para atingir esse objetivo, H.P. Lovecraft mergulhou em esferas do ocultismo, bem explorado no minirromance “O caso de Charles Dexter Ward”, e em uma combinação de angústia, pavor e tensão, como no épico conto “Sussurros na escuridão”. Uma memorável e assombrosa experiência para os amantes do gênero.

Espíritos de Carros Quebrados
Cadão Volpato
Faria e Silva Editora

Espíritos de Carros Quebrados é o décimo livro de Cadão Volpato, cuja carreira como escritor completa 25 anos em 2020. O autor volta à ficção depois de À Sombra dos Viadutos em Flor (SESI-SP, 2018), uma memória dos seus tempos de músico, finalista do Prêmio Jabuti de 2019. Este livro fala da passagem do tempo na vida de velhos amigos, eles mesmos às voltas com o envelhecimento. O tema clássico do tempo não é estranho aos livros anteriores do escritor, entre os quais os volumes de contos Dezembro de um Verão Maravilhoso (Iluminuras, 1999) e Os Discos do Crepúsculo (Numa, 2017) e o romance Pessoas Que Passam Pelos Sonhos (Cosac Naify, 2013). Neles, o tempo andava para frente e para trás, transformando o presente num gerador de força oscilante. O mesmo acontece com este livro. Transitando entre narrativas irmãs, o escritor constrói um universo compacto, resumido na frase que funciona como um mantra no conjunto: “Morte vida tristeza esperança: vem aí o Ano-novo”. Trata-se de uma elegia contemporânea inspirada pelos mangás de Jiro Taniguchi, os filmes de Chris Marker, a vida e a obra do fotógrafo Robert Frank e muitos outros empréstimos espirituais. Um livro que cai bem num tempo tão áspero e confuso como este em que vivemos. Pois as coisas que nos empurram para frente e nos retardam não seriam, no fundo, sempre as mesmas? Morte, vida, tristeza, esperança.

Nórdicos Deluxe Edition
Autores Vários
Pandorga Editora

DE ONDE VIEMOS? COMO SURGIU O MUNDO? SE TUDO TEM UM FIM, O QUE É QUE TEM VALOR? Desde o princípio dos tempos, a humanidade vem respondendo a essas perguntas com histórias criativas, que já foram utilizadas pela religião, ciência, filosofia e literatura popular. Cada cultura tem suas próprias histórias, lendas e mitos que mostram como a imaginação humana, em toda a sua diversidade, se expressa através dos tempos. Essas histórias extraordinárias sobre deuses e heróis ecoam na arte, no cinema, na música, na dança, no teatro e na língua que usamos diariamente. Nesta edição especial, fomos além e trouxemos para você muito mais sobre os Vikings. Afinal, quem foram eles? Como eram suas vidas, em tempos tão distantes? Trazemos também, em contrapartida, um pouco sobre a cultura popular nórdica atual: quais datas comemorativas são mais importantes hoje em dia e que influência elas têm na cultura desses países. Nórdicos Deluxe faz uma ponte entre o passado e o presente, apresentando um panorama sobre o que era e o que é considerado importante para esses povos.

Coleção Marguerite Yourcenar
Marguerite Yourcenar
Nova Fronteira

A Obra em Negro é um dos textos mais elaborados e instigantes de Marguerite Yourcenar. O livro ilustra a vida de Zênon, que, renegando sua formação religiosa, abre mão de um futuro estável como membro da Igreja para se dedicar à descoberta das profundezas do ser humano em todas as esferas, tornando-se médico, alquimista e filósofo. A obra conta com a tradução excepcional do poeta Ivan Junqueira. Memórias de Adriano é a obra-prima de Marguerite Yourcenar. Publicado pela primeira vez em 1951, após um intenso processo de pesquisa, escrita e reescrita que durou cerca de trinta anos, o livro obteve enorme sucesso e converteu-se imediatamente em um clássico da literatura moderna. Nesta espécie de autobiografia imaginária, a “grande dama da literatura francesa” recria a notável vida do imperador Adriano, com seus triunfos e reveses, e dá forma a um romance histórico, mas também poético e filosófico, que se tornaria uma das mais fascinantes obras de ficção do século XX. Além da tradução de Martha Calderaro e da apresentação de Victor Burton, esta edição especial conta ainda com o prefácio inédito da historiadora Mary Del Priore.

As Duas Versões de Nós Dois: O Amor Pode Ser Uma Surpresa 
Júlio Hermann
Faro Editorial

Algumas vezes o que você precisa pode estar perto demais… Ainda amargando uma dor de cotovelo pelo término de um relacionamento, Daniel se divide entre o trabalho como publicitário e a amizade com Olívia, uma garota tão azarada quanto ele no amor. Toda semana, eles se encontram para um papo em um bar: Olívia conta os problemas que tem com seus namorados complicados e Daniel debocha divertidamente. No fundo, sabe que sente algo pela amiga desde o dia em que se conheceram, dois anos antes. Tudo corre às mil maravilhas até que o destino resolve pregar uma peça em Daniel: Ulisses, seu melhor amigo e colega de trabalho, para manter o emprego, faz com que Daniel seja demitido e, com isso, perca a chance que sempre sonhou ― um Leão de Ouro em Cannes, o maior prêmio da publicidade. Do outro lado, Beatriz, mãe de Olívia, descobre que tem câncer, o que faz com que sua amiga fique mais distante. Traído no trabalho, Daniel se vê sem nada: sem o ombro da amiga, sem emprego e sem perspectiva ― até a chegada de Ananda, que parece surgir como uma luz no fim do túnel, e uma notícia que soa como reviravolta. Mas o que levou Daniel até esse ponto? Que escolhas e ideias ele se sustenta para enxergar sempre entre tudo ou nada? Uma história sobre eventos e escolhas e o que fazer de sua vida dali para frente. Tentar resgatar o passado ou deixa-lo lá, aproveitando apenas o aprendizado.

O Plano Perfeito Para Dar Errado
Cameron Lund
Faro Editorial

Quando a sua última amiga virgem muda de “status”, Keely começa a pensar em fazer o mesmo. Ela não quer ser a única virgem que resta da turma, mas não pode ser com qualquer um. Tem de ser especial, com alguém de confiança. E rápido! O problema é que ela cresceu com todos os garotos de sua escola, e é muito difícil gostar de um cara quando você lembra dele comendo giz de cera (ou coisa pior) no jardim de infância. Então, a sorte acena para Keely ao encontrar Dean. Ele não apenas parece ter saído de um cartaz de filme, como tem uma moto, é sexy e demonstra estar muito interessado. Só que Dean é um pouco mais velho e já está na faculdade. E a insegurança de Keely a convence de que ter a primeira vez com Dean pode ser um desastre, fazendo com que ele nunca mais queira vê-la. É quando ela traça um plano e escolhe “mudar o status” com seu melhor amigo, Andrew. Com ele tudo seria seguro. Andrew nunca iria magoá-la e já teve muitas experiências para poder ensinar, antes que ela aceite dar o próximo passo com Dean. Mas o plano só funciona se Andrew e Keely continuarem amigos – e apenas amigos. É aí que as coisas começam a ficar complicadas.

Dom Casmurro
Machado De Assis
Antofagica Editora

Prometido para o seminário desde o nascimento, o jovem carioca Bentinho precisa encontrar um jeito de fugir da vida na Igreja e realizar seu verdadeiro sonho: casar-se com a vizinha Capitu. Uma história de paixão, obsessão e ciúme se desenrola, em uma narrativa cheia de reviravoltas, que aos poucos constrói um retrato da sociedade brasileira. Com este romance publicado em 1899, o maior nome da literatura nacional, Machado de Assis, torna-se também parte do cânone mundial. Dom Casmurro traz contundentes reflexões sobre o Brasil de sua época, ainda muito relevantes para os dias atuais, e faz isso com a narrativa repleta de ironia que é uma marca do autor. A nova edição da Antofágica traz o texto integral de Machado com notas e posfácio do especialista Rogério Fernandes dos Santos, além de ilustrações de Paula Siebra, apresentação da produtora de conteúdo Camilla Dias e posfácios da atriz e escritora Maria Ribeiro do escritor Geovani Martins.

Contos Góticos Russos
Nikolai Gógol, Tolstói Alexei, Ivan Turguênev, Fiódor Dostoiévski, Anton Tchêkhov
Martin Claret

A literatura gótica, igualmente conhecida como a de suspense e terror, teve início na Inglaterra, em meados do século XVIII, e nunca deixou, desde então, de ser valorizada pelos leitores. Os textos que compõem este livro, criados pela imaginação dos grandes autores russos, ilustram as principais vertentes dessa literatura: o conto de terror (O retrato, de Nikolai Gógol), a narrativa de suspense (Os fantasmas, de Ivan Turguênev, O monge negro, de Anton Tchêkhov), o conto de fundo histórico (A família do vurdalak e O encontro trezentos anos depois, de Alexei Tolstói) e a paródia dos escritos góticos (Bobok, de Fiódor Dostoiévski). Interessantes e fáceis de ler, caracterizam-se tanto pela singularidade das histórias narradas quanto por seu estilo denso, enérgico e pitoresco. Não se desapontará quem os conhecer: vislumbrará, em meio a impressões arrepiantes, aquele lado obscuro e enigmático da Rússia que talvez ignore ainda!

Origem
Dan Brown
Arqueiro

Do mesmo autor do mega-seller O Código Da Vinci. Este livro faz parte da coleção Pop Chic da Editora Arqueiro.

“Em vez de se limitar a escrever um thriller de fuga e perseguição, Dan Brown está determinado a abordar as questões mais fundamentais da existência humana.” – The Guardian

“Um livro cheio de ação que opõe o criacionismo à ciência e desperta tanta controvérsia quanto O Código Da Vinci.” – The New York Times

Robert Langdon, o famoso professor de Simbologia de Harvard, chega ao Museu Guggenheim de Bilbao para assistir a uma apresentação do futurólogo e bilionário Edmond Kirsch. O brilhante ex-aluno de Langdon está prestes a revelar um segredo que promete abalar os alicerces das religiões e mudar a face da ciência ao responder a duas perguntas fundamentais da existência humana: DE ONDE VIEMOS? PARA ONDE VAMOS? De repente, a apresentação se transforma em um caos, e a preciosa descoberta de Kirsch pode ser perdida para sempre. Diante de uma ameaça iminente, Langdon tenta uma fuga desesperada de Bilbao ao lado de Ambra Vidal, a diretora do museu. Juntos, eles seguem para Barcelona à procura de uma senha que ajudará a desvendar o segredo de Kirsch. Em meio a fatos históricos ocultos e extremismo religioso, Robert e Ambra precisam escapar de um inimigo onisciente cujo poder parece emanar do Palácio Real da Espanha. Em uma jornada marcada por obras de arte moderna e símbolos enigmáticos, eles encontram pistas que vão deixá-los cara a cara com a revelação de Kirsch e com a verdade espantosa que ignoramos por tanto tempo.

O Processo
Franz Kafka
Martin Claret

Josef K., homem culto, respeitável e bem estabelecido, vê-se um dia acusado de um crime que ele não sabe qual é, por uma justiça que ele desconhece por completo e contra a qual não sabe como se defender. Desse modo, ao longo da narrativa, assistimos à trajetória de K. conforme ele é tragado, pouco a pouco e inescapavelmente, pelo “processo”. Publicado originalmente em 1925, é considerado um dos livros mais importantes da literatura mundial. Na obra, o comum e o grotesco se imiscuem, compondo uma atmosfera de estranheza e opressão, em que o absurdo toma o lugar do cotidiano e é apresentado com a maior naturalidade. Essa inversão define o conceito de kafkiano, talvez o mais representativo do século XX. A obra foi adaptada para o cinema em 1962, no filme homônimo de Orson Welles.

Contos: Volume III
H. P. Lovecraft
Martin Claret

Nesta edição, volume III da coleção, reunimos alguns dos contos mais famosos de H. P. Lovecraft, que fazem parte de seu “Horror Cósmico”. O volume contém “A cidade sem nome”; “A coisa na soleira da porta”; “O cão de caça”; “O depoimento de Randolph Carter” e “Os sonhos na casa da bruxa”. Mais uma leitura imperdível para os amantes do horror.

Segredos de uma Noite de Verão (As Quatro Estações do Amor – Livro 1)
Lisa Kleypas
Editora Arqueiro

Primeiro volume da série As Quatro Estações do Amor. Este livro faz parte da coleção Pop Chic da Editora Arqueiro.

“Divertido, sensual e sóbrio, mas sempre cativante, esta é uma obra de alta qualidade de uma contadora de histórias verdadeiramente talentosa.” – Publishers Weekly

Os livros de Lisa Kleypas foram traduzidos para 28 idiomas e já venderam 500 mil exemplares pela Editora Arqueiro. Como qualquer moça de sua idade, Annabelle Peyton nutre a esperança de encontrar um grande amor, mas, sem um dote para oferecer, não pode se dar a esse luxo. Certa noite, em um dos bailes da temporada, ela conhece três outras jovens que também sonham se casar. Juntas, as quatro dão início a um plano: usar todo o seu charme e sua astúcia para encontrar um marido para cada uma, começando por Annabelle. No entanto, o admirador mais intrigante dela, o rico Simon Hunt, só parece interessado em levá-la a prazeres irresistíveis em seu quarto – e não ao altar. Annabelle está decidida a recusar esse arranjo, só que, depois de se entregar aos beijos do rapaz, fica cada vez mais difícil resistir à sedução. No primeiro livro da série As Quatro Estações do Amor, Annabelle sai em busca de um marido, encontra amizades verdadeiras e desejos intensos e – o mais importante – aprende que o amor pode ser um jogo muito perigoso.

O Príncipe dos Canalhas
Loretta Chase
Arqueiro

Ganhador do Prêmio Rita de Melhor Romance de Época. Este livro faz parte da coleção Pop Chic da Editora Arqueiro.

“Humor, intrigas e um grande romance!” – The Reader’s Voice

Sebastian Ballister é o grande e perigoso marquês de Dain, conhecido como lorde Belzebu: um homem de vida depravada e pecadora rejeitado pelo pai e humilhado pelos colegas de escola. Nenhuma dama respeitável deseja qualquer compromisso com ele. Acostumado à repulsa da conservadora sociedade parisiense, Dain fica confuso ao conhecer Jessica Trent, uma mulher liberal para a sua época, independente e segura de si. Recém-chegada à cidade, sua única intenção é resgatar o irmão, Bertie, da má influência do arrogante lorde. Ela não se deixa abater por escândalos e muito menos pela ameaça do diabo em pessoa. O que nenhum dos dois poderia imaginar é que esse encontro despertaria em Dain sentimentos há muito esquecidos, e que a inteligência e a virilidade dele poderiam desviar Jessica de seu objetivo. Agora, com a reputação na boca dos fofoqueiros e nas mãos dos apostadores, os dois começam um jogo de gato e rato recheado de intrigas, equívocos, armadilhas, paixões e desejos ardentes.

O Melhor de Mim
Nicholas Sparks
Arqueiro

Este livro faz parte da coleção Pop Chic da Editora Arqueiro.

“A habilidade de Sparks de retratar relacionamentos é o que torna esta história tão verdadeira e tocante. Este é um dos seus melhores livros.” – Publishers Weekly

Os livros de Nicholas Sparks foram traduzidos para mais de 50 idiomas e já venderam mais de 105 milhões de exemplares no mundo todo, sendo 3 milhões só no Brasil. O primeiro amor deixa marcas para a vida inteira. Na primavera de 1984, os estudantes Amanda Collier e Dawson Cole se apaixonaram perdidamente. Criado em um ambiente violento e desestruturado, o solitário Dawson acreditava que seu sentimento por Amanda lhe daria a força necessária para fugir do destino sombrio que parecia traçado para ele. De família tradicional, Amanda via no namorado um porto seguro para toda a sua paixão e seu espírito livre. Infelizmente, quando o verão do último ano de escola chegou ao fim, a realidade os separou de maneira cruel e implacável. Vinte e cinco anos depois, eles estão de volta à sua cidade natal para o velório de Tuck Hostetler, o homem que acobertou o namoro e se tornou o melhor amigo dos dois. Seguindo as instruções de cartas deixadas por Tuck, Amanda e Dawson redescobrirão sentimentos sufocados há décadas. Eles vão perceber que não tiveram a vida que esperavam e que nunca conseguiram esquecer o primeiro amor. Um único fim de semana juntos e talvez seus destinos mudem para sempre.

“Um lindo romance que vai tocar seu coração e deixar você sem palavras. A história de Dawson e Amanda é tão comovente que é impossível não se apaixonar por eles.” – The Guardian

“Um romance de alto nível, como Diário de uma Paixão e A Última Música.” – Cosmopolitan

“Quando se trata de histórias de amor, Nicholas Sparks é o rei incontestável.” – Heat

“Esta história vai emocionar os fãs de Sparks como nenhuma antes.” – OK!

“Nicholas Sparks é o mestre dos romances.” – She Magazine

Escritos da Casa Morta
Fiódor Dostoiévski
Editora 34

Em 1849, Dostoiévski, então com 28 anos, foi preso e condenado à morte por sua participação no Círculo de Pietrachévski, um grupo de intelectuais críticos ao regime tsarista. Instantes antes do fuzilamento, sua pena foi comutada para quatro anos de trabalhos forçados no presídio de Omsk, seguidos de mais quatro anos servindo como soldado raso em Semipalátinsk. O período passado na Sibéria foi extremamente marcante para o escritor, que viu cair por terra sua imagem idealizada do povo russo, influenciada pelos socialistas utópicos, ao conviver com a dura realidade dos prisioneiros comuns vindos de todas as regiões da Rússia. O resultado dessa experiência-limite é este livro, Escritos da Casa Morta (também conhecido como Recordações da Casa dos Mortos), publicado entre 1860 e 1862, em que o autor, ao fazer um registro antropológico da vida e dos costumes dos presos, acaba por empreender um verdadeiro mergulho na psicologia do ser humano ― algo que servirá de matéria-prima para todos os seus romances de maturidade. A presente edição foi traduzida diretamente do russo por Paulo Bezerra, que também assina a apresentação do volume, e inclui três textos de época e um posfácio de Konstantin Motchulski, um dos principais biógrafos de Dostoiévski ― todos inéditos em português ―, além da série completa de 43 xilogravuras realizadas por Oswaldo Goeldi nos anos 1940.

Dragões de Éter: Caçadores de Bruxas – Volume 1
Raphael Draccon (Autor), Walmir Archanjo (Ilustrador)
Melhoramentos

Esta é terceira e definitiva versão da série Dragões de Éter. Caçadores de Bruxas é o início da tetralogia e como um Bardo, Raphael Draccon praticamente nos “canta” a história da criação de Nova Ether, do nascimento da Era Antiga até a tão esperada Era Nova. De poderosos e protetores avatares em forma de fadas-amazonas à dominação por bruxas praticantes de magia negra, O Continente Ocaso passa por grandes transformações, até Primo Branford iniciar a violenta Caçada de Bruxas. Passados vinte anos, o que parecia ser paz e felicidade, era na verdade, a calmaria antes de formar a maior “tempestade” que Nova Ether enfrentará. Como já diz o ditado, “o mal está à espreita.” E mudará o mundo.

Dragões de Éter: Corações de Neve – Volume 2
Raphael Draccon (Autor), Walmir Archanjo (Ilustrador)
Melhoramentos

Anísio sempre fora treinado para o grande momento. Aprendera a falar como nobre, a montar cavalos, a se portar à mesa, a falar em público e manejar com perfeição uma lança, um escudo e uma espada, não necessariamente nessa ordem. Aprendera bem matemática, geografia e história militar. Axel também tivera lições, mas não seria Rei. Anísio sim; então, seu fardo, nesse caso, sempre fora maior. Ainda assim, e por mais tempo de treinamento árduo a que tivesse se dedicado com seriedade, quando se olhou naquele espelho e ajeitou pela quarta vez a base da capa vermelha que lhe pesava sobre os ombros, o Rei por direito não se sentiu preparado. De fato, qualquer súdito diria que ele estava. Fora treinado desde o nascimento; não haveria como não. Entretanto, Anísio esperava ainda que seu pai vivesse muito mais anos do que as folhas de um carvalho. Acreditava que o momento havia sido precipitado, mas, fosse qual fosse a hora em que aquele momento se desse, ele iria se sentir da mesma forma. Fraquejava por não suportar, como deveria, a perda, mas ninguém jamais suporta, realmente como deveria, a chegada da morte. Observara-se mais uma vez no espelho e desejou que ao menos a mãe estivesse presente. Não morriam fadas todos os dias, ainda mais escolhendo a morte em nome de outras vidas, como um dia foi a opção daquela Rainha. Entretanto, não é a história da nobre Rainha que iremos narrar, mas saiba que se hoje escrevemos Rainhas com erres maiúsculos é porque Terra Branford um dia andou sobre a terra dos homens, e por eles sacrificou muito mais que uma vida.

Dragões de Éter: Círculos de Chuva – Volume 3
Raphael Draccon (Autor), Walmir Archanjo (Ilustrador)
Melhoramentos

Esta é terceira e definitiva versão da série Dragões de Éter. Em Círculos de Chuva, Arzallum, o Maior dos Reinos, tem um novo Rei, e depois de sacrifícios e desilusões de muitos personagens, a esperada Era Nova finalmente se inicia. Dentre os sacrifícios, Alex Branford viaja para um casamento forçado em uma terra que ele nem mesmo sabe se é possível que exista, disposto a realizar um feito que ele não sabe se é possível realizar, deixando para trás sua casa, sua família e seu verdadeiro e desiludido amor, Maria Hanson. Entretanto, coisas estranhas nunca param de acontecer em Nova Ether, e a busca e a ambição pelo poder de alguns, se unem ao desejo de vingança de outros dando início à Primeira Guerra Mundial de Nova Ether.

Dragões de Éter: Estandartes de Névoa – Volume 4
Raphael Draccon
Melhoramentos

Hoje é um dia especial para Nova Ether e para todos leitores e fãs que mantiveram seus Reis, Rainhas, Bruxas e Fadas vivos. Após 13 anos de espera, o desfecho da fantástica série Dragões de Éter ficou pronto. Estandartes de Névoa traz todas as respostas para os questionamentos e dúvidas até então não resolvidos nos outros livros. Com desfecho surpreendente e inusitado, Raphael Draccon presenteia os leitores com tudo o que pediram e merecem saber sobre o destino de Maria Hanson, Axel Branford e Livith. O Continente Nascente finalmente é trazido à tona na história, assim como os povos e perigos existentes nele. Também são reveladas a identidade da Virgem de Trigger – destinada a gerar o novo Merlim – e a ascensão do verdadeiro Pendragon! O mundo de Nova Ether como se conhecia não existe mais. Não apenas mudou, como nunca mais será o mesmo! Chegou a hora de vivermos um último e emocionante sonho, escrito e pensado exclusivamente para você, leitor!

Hoop: a História Está Viva!
Juliana Almeida Dutra (Autor), Maurizio Manzo (Ilustrador)
Devir Livraria

Hoop é a história de uma menina que vive em uma comunidade onde se acredita que o rio era o limite final para tudo e ninguém ousa ultrapassar esse ponto. Um dia, Hoop decide iniciar uma jornada que mescla autodescoberta e superação de desafios, não apenas por si, mas por todos que lá vivem e pela perenidade de seu povo.

Imagina-me: 6
Tahereh Mafi
Universo dos Livros

O livro que todos os fãs da série Estilhaça-me estavam esperando. O final da série best-seller do The New York Times! Agora que Ella sabe quem é Juliette e para qual finalidade foi criada, as coisas só se tornaram mais complicadas. Enquanto ela luta para entender o passado que a assombra e contempla um futuro mais incerto do que nunca, os limites entre certo e errado – entre Ella e Juliette – não estão tão evidentes. E, com velhos inimigos se aproximando, seu destino pode não estar sob seu próprio controle. O dia do acerto de contas para o Restabelecimento está chegando. Mas será que ela conseguirá escolher de que lado lutará? Tahereh Mafi é autora best-seller do The New York Times com a série Estilhaça-me, que foi publicada em 22 países e só no Brasil vendeu mais de 150 mil exemplares. Depois do estrondoso sucesso ao redor do mundo, a ABC Studios adquiriu os direitos da série e lançará uma adaptação para a TV. Mafi também é autora dos livros Além da Magia e A Magia do Inverno, ambos publicados pela Universo dos Livros. Seus títulos receberam diversos prêmios no gênero fantasia, que também consagrou seu marido Ransom Riggs, autor da trilogia O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares.

“A prosa consistente e criativa de Tahereh Mafi respinga emoções. Estilhaça-me, saga eletrizante e arriscada de autodescoberta e amor proibido, é leitura obrigatória para os fãs de literatura young adult distópica – ou de qualquer tipo de literatura!” ― Ransom Riggs, autor de O Orfanato da Srta. Peregrine Para Crianças Peculiares, best-seller internacional.

“Viciante, intenso e respingando romance. Fiquei com inveja. Não conseguia deixar de lado.” ― Lauren Kate, autora da série Fallen, best-seller internacional

Meridiano de Sangue (Nova edição)
Cormac McCarthy
Alfaguara

Um marco da literatura norte-americana, Meridiano de Sangue é um épico inesquecível e brutal sobre o Oeste americano ― um lugar violento e imprevisível, onde real e imaginário se fundem em uma história com dimensões apocalípticas. Meridiano de Sangue é um romance épico. Nele, McCarthy reinventa a mitologia do Oeste americano para criar uma obra ao mesmo tempo grandiosa e arrebatadora sobre uma terra sem lei, em que o absurdo e a alucinação se sobrepõem à realidade. Desde as primeiras páginas, o leitor acompanha um rapaz sem nome e sem família, abandonado à própria sorte num mundo brutal em que, para sobreviver, precisa ser tão ou mais violento que seus inimigos. Recrutado por uma companhia de mercenários a serviço de governantes locais, atravessa regiões desérticas entre o México e o Texas com a missão de matar o maior número possível de índios e trazer de volta seus escalpos. McCarthy parte de fatos reais para compor uma obra que transcende a ficção histórica. Conduzidos por John Joel Glanton e o juiz Holden, homens que julgam já terem visto todos os horrores possíveis, irão aos poucos se aprofundar no verdadeiro inferno.

“Um clássico romance americano sobre a regeneração por meio da violência […]. McCarthy só pode ser comparado aos nossos maiores escritores.” ― Michael Herr

“McCarthy é um autor para ser lido, admirado e, com toda a honestidade, invejado.” ― Ralph Ellison

“Nenhum outro romancista americano vivo, nem mesmo Pynchon, nos deu um livro tão forte e memorável como Meridiano de sangue.” ― Harold Bloom

O Grande Divórcio
C.S. Lewis
Thomas Nelson Brasil

O romance atemporal sobre uma viagem de ônibus do Inferno para o Céu. Em O Grande Divórcio, C. S. Lewis novamente emprega seu formidável talento para fábulas e alegorias. O escritor se encontra no Inferno embarcando em um ônibus com destino ao Paraíso. A incrível oportunidade é que, quem quiser ficar no Céu, fica. Este é o ponto de partida para uma meditação extraordinária sobre o bem e o mal, a graça e o julgamento. A ideia revolucionária de Lewis é a descoberta de que os portões do Inferno estão trancados por dentro. Nas próprias palavras de Lewis, “Se insistirmos em manter o Inferno (ou mesmo a terra), não veremos o Céu: se aceitarmos o Céu, não seremos capazes de reter nem mesmo as menores e mais íntimas lembranças do Inferno.”

“Eu li Lewis para conforto e prazer muitos anos atrás, e uma olhada nos livros reaviva minha antiga admiração.” – John Updike

“Se sagacidade e sabedoria, estilo e erudição são requisitos para passar pelos portões de pérolas, o Sr. Lewis estará entre os anjos.” – The New Yorker

“C.S. Lewis é o persuasor ideal para os que estão em dúvida, para o homem bom que gostaria de ser um cristão, mas percebe seu intelecto atrapalhando.” – New York Time Book Review

“Lewis, talvez mais do que qualquer outro escritor do século XX, forçou aqueles que o ouviam e liam suas obras a confrontarem suas próprias pressuposições filosóficas.” – Los Angeles Times

A Terceira Vida de Grange Copeland
Alice Walker
José Olympio

Primeiro livro da autora de A Cor Púrpura, inédito no Brasil. A Terceira Vida de Grange Copeland de Alice Walker – vencedora do Prêmio Pulitzer de 1983 por A Cor Púrpura -, revela o cotidiano de uma família negra no Sul dos Estados Unidos, por três gerações. Oprimido pela estrutura racista do condado de Baker, o trabalhador rural Grange Copeland abandona família e amante para ganhar a vida no Norte, mas retorna, após passar por experiências transformadoras, decidido a nunca mais conviver com pessoas brancas. Grange refaz sua vida, torna-se fazendeiro, mas tem que lidar com as consequências de suas escolhas no passado. Escrito com linguagem poderosa e precisa, o livro trata de violência – racial, social, familiar, contra a mulher -, mas também da força humana, capaz de mudar uma realidade inóspita por meio do amor e da ação no mundo. Para a escritora Jarid Arraes, que assina a orelha do livro, “Alice Walker é corajosa. Aborda temas profundamente delicados e tabus dentro da própria comunidade negra. Escreve com a fome de quem precisa contar mais do que a realidade: precisa da crueza, da ferida mais inflamada e difícil de tratar. Esta obra é, em primeiro lugar, literatura para quem não teme a honestidade do espelho, as perguntas dolorosas e o grotesco.”

“Quase ninguém tentou nos contar sobre o início da vida, sobre a vida íntima das pessoas negras […]. Alice Walker é uma contadora de histórias.” – The New Yorker

“Alice Walker nos comove ao enfatizar a humanidade que compartilhamos com seus personagens […]. Uma narrativa densa, honesta e sensível […] atenuada pelos momentos de humor e afeto que ajudaram homens e mulheres a suportar tanta tragédia […]. Walker parece segura em deixar que narrativa, caracterização e acontecimentos, a alma de um romance, falem por si mesmos.” – Chicago Daily News

Encontro Você no Oitavo Round
Caê Guimarães
Record

Vencedor do Prêmio Sesc de Literatura 2020 na categoria Romance, Encontro Você no Oitavo Round conta a vida, sonhos e fracassos do boxeador Cristiano Machado Amoroso. Encontro Você no Oitavo Round, romance inaugural de Caê Guimarães, é movido a socos, cicatrizes, quedas e redenções. O protagonista, Cristiano Machado Amoroso, conta sua vida de boxeador periférico: um homem que ganha a vida batendo e apanhando, chegou bem perto do topo aos 25 anos, mas beijou a lona pela primeira vez, nocaute que nunca esqueceu. Aos 40, isolado no corner, com a guarda baixa, sofre com um eterno zumbido que o atordoa, fruto das pancadas. Prestes a se aposentar, antes da última luta, recebe uma proposta: entregar o resultado sem que o adversário saiba. Para receber o dinheiro, a derrota terá que ser no quarto round. A narrativa nos leva ao cotidiano da periferia, onde Cristiano vive e treina, junto aos sonhos e fracassos dos personagens que foram, de muitas formas, espancados. Nas semanas em que se prepara para o combate final, o protagonista faz acertos com a própria vida. Deixou para trás um promissor início de carreira literária, que agora retorna para, quem sabe, um acerto de contas. Lutar é risco. Escrever é risco. Neste livro, a irmanação entre boxe e escrita surge com rara potência. Até o último round, não sabemos se o pugilista vai beijar novamente a lona, conforme o combinado. O estranho mistério que acompanha os que apanham muito, mas nem sempre entregam os pontos.

Meia-Noite, Evelyn! – Edição especial limitada
Babi A. Sette
Verus

Da mesma autora de Senhorita Aurora, Meia-Noite, Evelyn! conta a história de um casal improvável com uma ideia brilhante. Mas o coração não costuma obedecer de bom grado à razão. Pré-venda limitada com três brindes: um livreto com cenas extras do livro, um marcador de páginas clássico e um marcador com faca especial, em forma de sapatinho de cristal. Evelyn Casey precisa se casar. Do contrário, corre o risco de perder tudo o que mais ama no mundo: as terras onde cresceu, a casa pela qual lutou e, principalmente, a tutela da meia-irmã, Violet. Esse caos é culpa de três homens: o padrasto, que morreu na ruína; o irmão dele, conde Derby; e Harry Montfort, o mulherengo e inconsequente filho de seu padrasto. Harry Montfort odeia os nobres, o reino e a alta sociedade inglesa, apesar de muito a contragosto ser um duque. Ele está satisfeito com a vida de empresário bem-sucedido em Nova York. Mas, quando o maldito tio entra com um pedido na Câmara dos Lordes para assumir o título que Harry abandonou e a própria rainha o convoca, ele se vê obrigado a retornar à Inglaterra para exorcizar de vez os fantasmas do passado. Mas Harry não contava que a breve estadia no reino fosse virar um pesadelo — é o que acontece quando a monarca exige que ele se case e assuma suas responsabilidades como duque. E contava menos ainda que fosse cruzar com uma ruiva impulsiva e cheia de personalidade: Evelyn Casey, a filha de sua madrasta. Uma vez reunidos, Evelyn e Harry entendem que um casamento de aparências é a solução para todos os seus problemas. Mas será que um deles — ou os dois — cometeriam a loucura de se apaixonar? Em Meia-Noite, Evelyn!, temos um casal com a ideia perfeita, que tem tudo para dar certo. Mas o coração não costuma obedecer de bom grado à razão.

“Um romance de partir o coração, narrado com extrema sensibilidade, no melhor estilo Babi A. Sette. Meia-noite, Evelyn. é um grito de esperança em meio à escuridão.” – Carina Rissi

“Existem romances que encantam e outros que curam, mas é certo que os livros da Babi A. Sette fazem os dois.” – Paola Aleksandra, autora de Volte Para Mim.

A Livraria dos Achados e Perdidos
Susan Wiggs
Harlequin Books

Após uma tragédia, Natalie Harper herda a charmosa, mas praticamente falida, livraria de sua mãe, localizada em um prédio histórico no centro de São Francisco, na Califórnia, e a responsabilidade de cuidar do seu avô Andrew, cada vez mais debilitado. Com a recusa de Andrew em vender a loja, Natalie deixa sua antiga vida ― segura, confortável e previsível ― para trás e volta para São Francisco determinada a recuperar a livraria que um dia foi seu lugar favorito no mundo. Porém, sua vida se parece mais com um livro de horror do que com um conto de fadas. O prédio está caindo aos pedaços, as dívidas se acumulam rapidamente, a saúde do avô entra em declínio e ela não consegue ver uma luz no fim do túnel.Natalie precisa de um sinal, ou pelo menos de um livro que a ajude a resolver seus problemas, mas em vez disso recebe Peach Gallagher, contratado por sua mãe para fazer reparos no prédio. À medida que Peach começa seu trabalho, Natalie se vê envolvida numa jornada de novas conexões, descobertas e revelações, de artefatos antigos escondidos nas paredes da livraria até verdades inexploradas sobre sua família, seu futuro e seu coração.

Questão De Classe
Christina Dalcher
Arqueiro

DA MESMA AUTORA DE VOX.

“As mulheres heroínas e a prosa elegante fazem de Christina Dalcher uma Margaret Atwood do momento atual. Questão de classe vai confirmar os seus medos e reforçar a sua esperança.” – Michael D’Antonio, jornalista vencedor do Prêmio Pulitzer

Em um mundo onde é preciso ser perfeito, como você se sairia? É impossível saber o que você faria… O potencial de todas as crianças é determinado por seu número Q. Uma pontuação alta dá acesso às melhores escolas e a um futuro brilhante. Aquelas que não obtêm a nota mínima são enviadas para um internato, sem muita perspectiva de vida. O objetivo é construir uma sociedade melhor: custos baixíssimos para o governo, professores dedicados a classes separadas por desempenho e pais felizes por verem seus filhos convivendo com seus iguais … se levassem seu filho para longe de você. Elena Fairchild é professora de uma escola de elite. Quando sua filha de 9 anos tira uma nota baixa, é forçada a ir para uma instituição a milhares de quilômetros. Como educadora, Elena pensava entender o funcionamento do sistema em camadas. Como mãe, sua perspectiva muda para sempre. Ela só quer a filha de volta. E vai fazer o inimaginável para recuperá-la.

Pelo Amor De Cassandra
Lisa Kleypas
Arqueiro

SEXTO LIVRO DA SÉRIE OS RAVENELS.

“Lisa Kleypas tem o dom de fazer você rir e chorar na mesma página.” – Julia Quinn

“Lisa é uma joia preciosa, uma rainha entre as autoras de romances de época. Pelo amor de Cassandra é uma estrela muito bem-vinda em sua constelação de sucessos.” – Entertainment Weekly

Lisa Kleypas já escreveu mais de 40 romances, que são best-sellers no mundo todo e foram traduzidos para 28 idiomas. Tom Severin, o magnata das ferrovias, tem dinheiro e poder suficientes para realizar todos os seus desejos. Por isso, quando resolve que está na hora de se casar, acha que deve ser fácil encontrar a esposa perfeita. Assim que ele pousa os olhos em lady Cassandra Ravenel pela primeira vez, decide que ela é essa mulher. O problema é que a bela e perspicaz Cassandra é tão determinada quanto ele, e faz questão de se casar por amor – a única coisa que Tom não pode oferecer. Além disso, ela não tem o menor interesse em viver no mundo frenético de alguém que só joga para vencer. No entanto, mesmo com o coração de gelo, ele é o homem mais charmoso que Cassandra já conheceu. E quando um inimigo recém-descoberto quase destrói a reputação dela, Tom aproveita a oportunidade que estava esperando para conquistá-la. Ao contrário do que pensa, porém, ele ainda não conseguiu o que queria. Porque a busca pela mão de Cassandra pode até ter chegado ao fim, mas a batalha por seu coração está apenas começando.

Livros de Sangue: Volume 1
Clive Barker
Darkside

A Macabra Filmes, em parceria com a DarkSide Books, realiza um grande sonho dos fãs de horror no Brasil: a coleção completa de Livros de Sangue, de Clive Barker, chega para os leitores brasileiros com um tratamento… visceral. Chegou a hora de mergulhar no clássico moderno do horror escrito pelo mestre inigualável do gênero. Clive Barker já é autor da casa. Hellraiser, Candyman e Evangelho de Sangue demonstraram os prazeres do horror ao longo da história da DarkSide Books, mas o que os leitores mais desejavam estava por vir: Livros de Sangue é a obra máxima do autor, e estava fora de catálogo há décadas. Agora, ela volta ― e bem a tempo de celebrar os oito anos da editora. O primeiro volume da coleção Livros de Sangue chega em outubro pela DarkSide Books através do selo Macabra, que apresenta livros e quadrinhos com uma voz artística única e transgressora, e conta com uma tradução cuidadosa de Paulo Raviere ― já conhecido entre os darksiders por seu trabalho em O Mal Nosso de Cada Dia, O Médico e o Monstro e Outros Experimentos e Antologia Macabra. Cesar Bravo, autor de VHS: Verdadeiras Histórias de Sangue, também empresta seu talento para homenagear o gênio macabro em uma introdução exclusiva para a edição brasileira aprovada pelo próprio Clive Barker. O mestre do horror visceral tem uma escrita peculiar, provocante e poética, e nos leva a teatros assombrados, estações de trem escuras e vazias, penitenciárias duvidosas e promove encontros que ficarão para sempre na memória dos leitores. Livros de Sangue é um verdadeiro pacto, um mergulho na mente sombria de Clive Barker e nos monstros que moram dentro de nós.

Invasores de Corpos
Jack Finney
Darkside

Em uma tarde tranquila de uma cidadezinha da Califórnia, o dr. Miles Bennell atende a um pedido de ajuda incomum: a paciente diz que seu tio não é mais o mesmo, que algo possuiu seu corpo e mente. Passados alguns dias, mais pessoas chegam ao consultório com os mesmos relatos, e o que vinha sendo encarado como um delírio coletivo passa a ser levado a sério quando um corpo aparentemente humano, mas sem traços de humanidade, é encontrado. A verdade sobre aquele ser está muito além do que Miles aprendeu na faculdade de medicina e, de maneira desesperadora, ele vê seus vizinhos, amigos, família e pessoas queridas tendo seus corpos e mentes dominados por uma ameaça invisível. Publicado pela primeira vez em 1955, Invasores de Corpos deixou um marco na história da ficção científica. Seu enredo eletrizante e original e a construção da paranoia macabra transformaram o livro em um clássico que até hoje se conecta com muitas mentes e criações macabras da literatura e do cinema ― como Bacurau, recente sucesso nacional de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. E a DarkSide® Books não podia deixar de proporcionar essa experiência extraordinária aos leitores em uma parceria de outro mundo com a Macabra Filmes. Escritor experiente, Jack Finney faz o leitor sentir. Sua habilidade é explorar emoções complexas de modo discreto enquanto o horror cresce. Teorias são tecidas, jornais são consultados, ligações são feitas… O que diabos está acontecendo? E, principalmente: como fazer isso parar? As camadas da trama ficam ainda mais profundas quando avaliamos a relação do isolamento com o avanço da tecnologia, algo bastante próximo do que estamos vivenciando, e debatemos de que modo estamos perdendo nossa humanidade ― cada vez mais alienados da comunidade, da família e dos amigos, sentimos uma inquietação que às vezes beira a paranoia. Invasores de Corpos aterroriza os leitores ao mostrar que a pessoa que você tão bem conhecia já não é a mesma ― algo invadiu o corpo e tomou o lugar dela sem você notar. A construção brilhante da tensão fez o livro ser adaptado quatro vezes para os cinemas ― uma das versões, Vampiros de Almas, dirigida por Don Siegel em 1956, segue até hoje tão poderosa quanto na época de sua estreia. Inspecione seu armário e olhe embaixo da sua cama antes de começar a ler este livro. Invasores de Corpos chega para dominar o corpo e a mente dos leitores da DarkSide Books através do selo Macabra, que seleciona obras provocativas e transgressoras para os brasileiros. Você sabe quem está do seu lado?

Os Demônios
Fiódor Dostoiévski
Martin Claret

Um dos romances mais impactantes de Dostoiévski, Os Demônios não chega a rivalizar em badalação com Crime e Castigo ou Os Irmãos Karamázov e tem provocado, desde o seu lançamento na década de 1870, uma porção de polêmicas acirradas. Esse aparente paradoxo explica-se pelo fato de serem discutidos nele, com absoluta franqueza, diversos temas sensíveis: a revolução social e o extremismo político, a negação dos valores tradicionais e o uso de violência “para o bem da humanidade”, entre outros, nem sempre fáceis e agradáveis de discutir. Tomando por base um acontecimento real que havia chocado a sociedade russa, o autor criou uma trágica profecia literária, subestimada ou apenas incompreendida pelos seus contemporâneos, mas comprovada por todo o decurso da história universal no século XX. E não se limitou a mostrar aos leitores o perigo mortal da “demonização” do processo histórico como também lhes ofereceu uma das maiores obras das letras cristãs que jamais existiram. Pôs os extremos do mundo ― o amor e o ódio, a fé e a descrença, a humildade e a soberba ― sobre a balança de sua filosofia, deixando a escolha final com quem viesse a ler Os Demônios

A Garota da Casa ao Lado
Jack Ketchum
Darkside

Em um pacato subúrbio americano, de belos jardins e casas aconchegantes, o horror e a crueldade podem ser seus vizinhos de porta. No porão da casa dos Chandler, duas garotas são mantidas em cativeiro, à mercê dos ataques de fúria de uma tia distante e de outros vizinhos igualmente cruéis. Não há escapatória. Prepare-se: o livro que a Macabra Filmes lança em parceria com a DarkSide Books contém uma das histórias mais difíceis de digerir já escritas. Inspirado em um caso real que ocorreu nos anos 1960, nos Estados Unidos, A Garota da Casa ao Lado é uma leitura perturbadora e chocante, feita com maestria por um escritor de “histórias muito, muito sombrias”, nas palavras de Neil Gaiman. Os horrores narrados por Jack Ketchum deixaram muitos leitores estarrecidos com a crueldade do ser humano. A história foi baseada no assassinato da jovem Sylvia Likens, de 16 anos. Filha de artistas circenses, Sylvia tinha uma vida instável e frequentemente ficava sob os cuidados de amigos ou parentes quando os pais viajavam ― e foi assim que ela parou nas mãos de Gertrude Baniszewski, que a submeteu a situações apavorantes. Jack Ketchum evoca a aura desta década ― a música, a insularidade da vida suburbana, os medos e ideais que transpareciam com um pouco de pressão ― com economia e rigor. Narrado pelo ponto de vista de Davy, vizinho da jovem capturada, A Garota da Casa ao Lado é uma leitura desafiadora e brutal que vai revirar o seu estômago e te fazer questionar quão bem você conhece as pessoas que estão ao seu redor. Um dos livros favoritos do mestre do terror, Stephen King, A Garota da Casa ao Lado é um sinistro encontro de O Colecionador com Laranja Mecânica, e provoca todos os sentidos dos leitores trevosos. A obra transgressora chega para os leitores da DarkSide Books através do selo Macabra, que apresenta histórias ainda mais assustadoras da realidade e da ficção. Você está pronto para ser refém desse pesadelo?

Projeto Lakewood
Megan Giddings, Isabelle Mesquita (Ilustrador)
Primavera

Quando a amada avó de Lena Johnson morre e toda a proporção da dívida da família é revelada, ela deixa a faculdade para sustentar sua família e arruma um emprego na misteriosa e remota cidade de Lakewood, em Michigan. Na teoria, seu novo trabalho é bom demais para ser verdade: salário alto, sem despesas médicas e com um lugar para morar. Tudo que Lena precisa fazer é participar de um programa secreto – e mentir para seus amigos e familiares sobre a pesquisa que está sendo feita ali. As descobertas feitas em Lakewood, mudarão o mundo – mas as consequências para os sujeitos envolvidos podem ser devastadoras. Conforme as verdades do programa se revelam, Lena compreende o quão forte é quando o assunto é sua família. Provocativo e emocionante, Projeto Lakewood é um romance de tirar o fôlego, com um olhar especial aos dilemas morais que muitas famílias da classe trabalhadora enfrentam e o horror que foi imposto aos corpos – em sua maioria, corpos negros – em nome da ciência.

O Fim: 6
Karl Ove Knausgård
Companhia das Letras

O esperado volume que encerra Minha Luta, a monumental série em seis partes do norueguês Karl Ove Knausgård que, como definiu o jornal The Guardian, “talvez seja o maior feito literário de nossos tempos”. Neste sexto e último livro, Knausgård examina a vida, a morte, o amor e a literatura com um rigor ímpar e contabiliza os custos e as consequências de seu gigantesco projeto literário de autoficção, que sempre envolveu riscos ― afinal, ele testa os limites entre o público e o privado o tempo todo. Em O Fim acompanhamos o escritor diante da pressão do reconhecimento literário e da repercussão muitas vezes devastadora de seus primeiros livros. Mas há também um longo ensaio sobre Hitler, o poder da linguagem, questões de identidade e outras questões estéticas. Na empreitada de milhares de páginas que se conclui aqui, Knausgård retratou a vida em todo o seu espectro, desde os momentos mais dramáticos até detalhes triviais do cotidiano. O Fim é o arremate genial desse feito sem paralelos.

“O Fim é feito do amor de um homem por sua família e de sua obsessão pela vida solitária da escrita, com a trama e a urdidura dessas paixões contraditórias às vezes se enredando uma na outra […] Minha Luta é um momento cultural em que vale a pena se envolver.” ― Melissa Katsoulis, The Times

“Um final ousado para uma série brilhante […] Lerei estes livros muitas e muitas vezes.” ― William Leith, Evening Standard

O Morro dos Ventos Uivantes
Emily Brontë
Darkside

Turbulência, impetuosidade e misticismo. Originalmente publicado em 1847, O Morro dos Ventos Uivantes, de Emily Brontë, combina paixão e trevas de maneira surpreendente ― emoções que os leitores apaixonados pela DarkLove, marca da DarkSide® Books que revela as novas vozes femininas da literatura, conhecem bem. Se hoje as obras de Laura Purcell, Yangsze Choo, Kerri Maniscalco, Patrice Lawrence, Silvia Moreno-Garcia e tantas outras autoras inigualáveis encantam e fascinam, é porque mulheres igualmente talentosas decidiram dar vida a personagens e histórias inesquecíveis lá atrás. Para honrar as autoras que inspiram gerações de escritoras, a DarkSide® Books orgulhosamente apresenta o selo DarkLove Classics: clássicos da literatura selecionados com o rigor e o carinho da Caveira para os leitores que adoram sentir o coração bater mais forte. E o primeiro é uma das obras mais influentes da literatura mundial: O Morro dos Ventos Uivantes. Um dos grandes romances das irmãs Brontë, este clássico apresenta uma história fantasmagórica de obsessão, vingança e paixões intensas. Na trama, o órfão Heathcliff é acolhido ainda criança pela família Earnshaw e apaixona-se pela pequena Catherine. O afeto, embora correspondido, transforma-se num amor impossível. Tal vínculo devastador é envolto por uma atmosfera sombria e um teor dramático e audaz que consolidaram Emily Brontë como uma das rainhas da literatura inglesa. Publicado sob o pseudônimo Ellis Bell, O Morro dos Ventos Uivantes não foi bem recebido pela crítica na época; sua atmosfera lúgubre e estrutura inovadora chocaram a sociedade da época, e os temas impactantes eram sensíveis à moral vitoriana. Por muito tempo pensou-se que o livro havia sido escrito por um homem, até que, em 1850, passou a ser publicado com o nome verdadeiro da autora. História vertiginosa, O Morro dos Ventos Uivantes cativa pela complexidade de seus personagens. Todos são humanos e passionais, e tão fascinantes que ultrapassaram as barreiras do tempo e permanecem na memória de leitores em todo o mundo. Único romance escrito por Emily Brontë, esta obra-prima concentra toda a perspicácia, imaginação e autenticidade da autora em uma narrativa hipnotizante. Este divisor de águas da literatura chega para os leitores no padrão de qualidade da DarkSide® Books, em uma edição belíssima, com as ilustrações apaixonantes e sombrias de Luciana Vasconcelos e tradução devotada de Marcia Heloisa, pesquisadora e doutora em Literatura Comparada que já deu voz a Edgar Allan Poe, Drácula e às Vitorianas Macabras. DarkLove Classics é uma marca que reúne histórias inovadoras escritas por mulheres à frente de seu tempo: vozes do passado que abriram caminho para autoras no presente. Os títulos mais amados da literatura clássica agora têm lugar reservado na DarkSide® Books, em uma homenagem aos corações românticos e valentes que nos trouxeram até aqui. A força da escrita feminina, onde tudo começou. Mulheres eternas, clássicas e imortais.

Os Viajantes
Regina Porter
Companhia das Letras

A história envolvente de duas famílias, uma branca e outra negra, da década de 1950 aos dias de hoje. Um romance sobre amor e memória, preconceito e identidade, trauma e destino. James Samuel Vincent, um rico advogado, tenta se afastar de sua origem humilde de descendente de imigrantes irlandeses em Nova York. Seu filho, Rufus, se casa com Claudia Christie, uma mulher de família negra cujo pai tem uma vida atravessada pela guerra do Vietnã e pelas tensões raciais que tomam conta dos Estados Unidos nos anos 1960. Histórias se alternam, se cruzam. E assim somos levados por Regina Porter neste seu extraordinário romance de estreia. Através da perspectiva de diversos homens e mulheres, numa trama que avança e volta no tempo, o que vemos desenrolar é um panorama rico e variado da vida na América entre os anos 1950 e a eleição de Barack Obama. Porter justapõe uma série de breves episódios, vozes e fotografias ― em um recurso que ecoa o mestre W. G. Sebald ―, criando um efeito único.

*Eleito um dos livros do ano pela Esquire.*

*Finalista do Pen/Hemingway Award na categoria romance de estreia.*

“Uma jornada eletrizante. Porter é uma cronista incrivelmente astuta das fragilidades humanas.” ― The Guardian

“Um relato poético, direto e muitas vezes engraçado sobre pessoas comuns em busca de conexões significativas no mundo.” ― The New York Times Book Review

Outlander: Escrito Com O Sangue Do Meu Coração – Livro 8
Diana Gabaldon
Arqueiro

O oitavo volume da série Outlander e o primeiro inédito no Brasil.

“Escrito com o sangue do meu coração apresenta toda a paixão e aventura que os fãs desta fantástica série histórica esperam.” – People

Com mais de 27 milhões de livros vendidos, a série se tornou um enorme sucesso mundial e foi adaptada para a TV em 2014, ganhando o BAFTA e sendo indicada ao Globo de Ouro e ao Emmy. Escrito Com O Sangue Do Meu Coração ganhou o Goodreads Choice Awards como melhor romance. Junho de 1778. Perseguido pelas tropas de George Washington, o exército britânico está se retirando da Filadélfia. Pela primeira vez, os rebeldes têm a esperança de vencer. Mas, para Claire Fraser e sua família, há questões mais urgentes que uma revolução. Jamie voltou dos mortos exigindo saber por que ela se casou com seu melhor amigo, lorde John Grey. Ao mesmo tempo, ele precisa enfrentar William Ransom, que está furioso porque acabou de descobrir que é seu filho ilegítimo e foi enganado por anos. Enquanto Claire tenta impedir que seus maridos se matem, Brianna lida com os próprios problemas no século XX. Seu marido, Roger, foi para o passado em busca do filho raptado, mas na verdade o sequestrador está no presente, ameaçando a vida de sua família… Escrito Com O Sangue Do Meu Coração é mais um capítulo da histórica saga de Diana Gabaldon, que une com maestria a realidade crua da guerra, o viés fantástico da viagem no tempo e os dramas familiares em um romance viciante e delicioso.

O Retorno
Nicholas Sparks
Arqueiro

Livro inédito no Brasil.

“Um drama familiar e uma história de amor. Se você está querendo desacelerar e se concentrar apenas no que é realmente importante, O retorno é a leitura comovente de que você precisa.” – BookPage

Nicholas Sparks já vendeu 3 milhões de exemplares no Brasil e onze de seus livros ganharam adaptações para o cinema e todos entraram para a lista de mais vendidos do The New York Times. Existe uma hora certa para o amor? Trevor Benson não estava planejando voltar para New Bern, uma cidadezinha na Carolina do Norte. Porém, após ouvir as últimas e enigmáticas palavras do avô no leito de morte, ele decide passar um tempo na velha casa que herdou. Decidido a cuidar das colmeias da propriedade, Trevor nem pensa em se apaixonar. Porém, assim que vê Natalie Masterson, sente uma atração impossível de ignorar. Ela parece corresponder, mas se mantém distante, como se escondesse algo. Em New Bern, ele também conhece Callie, uma adolescente reservada que era amiga de seu avô. Trevor acha que pode conseguir respostas sobre as circunstâncias misteriosas da morte dele, mas ela oferece poucas pistas – até que uma reviravolta lhe dá uma nova perspectiva. Nessa jornada para desvendar segredos, Trevor vai descobrir o verdadeiro significado do amor e do perdão e aprender que, para seguirmos em frente, muitas vezes é preciso retornar para onde tudo começou.

A Traidora de Hitler: Um Romance Inspirado no Grupo Rosa Branca de Resistência ao Nazismo
V. S. Alexander
Gutenberg

No verão de 1942, quando a Segunda Guerra eclodia na Europa, uma série de folhetos anônimos surge nos arredores da Universidade de Munique. Tratava-se de uma manifestação contra as crescentes atrocidades nazistas cometidas na Alemanha de Hitler. Os folhetos ora apareciam camuflados, em locais públicos, ora eram enviados pelo correio para endereços aleatórios, selecionados pela lista telefônica. A estudante Natalya Petrovich sabe quem está por trás do ato – um grupo secreto chamado Rosa Branca, liderado pelos irmãos Hans e Sophie Scholl e seus amigos. Como enfermeira voluntária da frente russa, Natalya testemunhou os horrores da guerra em primeira mão. Ela anseia pelo fim do conflito e começa a fazer parte do círculo da Rosa Branca, em que todo segredo e qualquer mínimo ato de dissidência pode significar prisão ou morte nas mãos de uma Gestapo enfurecida. Natalya arrisca tudo ao lado de seus amigos, acreditando que o poder das palavras encorajará os outros a resistir. Mas, mesmo entre aqueles em quem mais confia, a segurança não é garantida: quando o perigo surgir, todos precisarão fazer escolhas para sobreviver. Inspirado no movimento antinazista de jovens alemães, A Traidora de Hitler expõe os dilemas morais da guerra em uma história emocionante e cheia de atos de extraordinária coragem em busca da liberdade.

Santo Guerreiro: Roma Invicta (Volume 1) – Edição especial limitada
Eduardo Spohr
Verus

Santo Guerreiro: Roma Invicta é o novo livro de Eduardo Spohr, autor dos best-sellers A Batalha do Apocalipse e a série Filhos do Éden. O livro, que marca sua estreia no gênero do romance histórico, conta a versão mais fidedigna já escrita sobre a vida de Gergios, o soldado romano eternizado e admirado em todo o planeta como São Jorge. Edição limitada da pré-venda conta com os seguintes brindes: Um pôster com a ilustração da capa, um pôster com o mapa do império romano e cinco cards colecionáveis com as Legiões de Roma. No fim do terceiro século, o Império Romano estava à beira do colapso. Invasões bárbaras, confrontos religiosos e insurreições militares ameaçavam a soberania dos césares. No Leste, a poderosa rainha Zenóbia reuniu uma tropa de guerreiros montados e assumiu o controle da Síria. Caráusio, o almirante da frota romana no Canal da Mancha, ocupou as províncias do Oeste e se autoproclamou imperador da Britânia. Em meio à desordem e ao caos, Laios Graco, alto oficial da cavalaria, é morto e suas terras, roubadas. Seu filho, o jovem Georgios, foge para a capital com o objetivo de se apresentar ao imperador Diocleciano, antigo companheiro de seu pai, na esperança de ser aceito no exército, tornar-se soldado, recuperar suas posses e vingar a família. Santo Guerreiro conta a versão mais fidedigna da vida de São Jorge já escrita. Com base em documentos históricos e vestígios arqueológicos, o autor nos transporta de volta à Antiguidade tardia, a um tempo em que o aço, o amor e a intriga governavam o destino dos homens — e, por conseguinte, os rumos da história. Um dos santos mais populares do mundo, São Jorge é adorado por católicos, ortodoxos, anglicanos e devotos das religiões de matriz africana. Na iconografia, ele é representado por um cavaleiro brilhante, usando armadura completa, armado de lança e enfrentando um dragão. Essa imagem, entretanto, é meramente alegórica. De acordo com a tradição, Jorge — ou Georgios, seu nome grego — não foi um guerreiro medieval, mas um soldado romano, que nasceu no século III e morreu executado após repudiar os deuses pagãos. Embora não haja registros que confirmem a existência do santo, há uma infinidade de fontes históricas que descrevem o mundo em que ele teria vivido. Diocleciano, que governou o Império Romano entre 284 e 305 d.C., promoveu a última grande perseguição aos cristãos, ceifando perto de três mil vidas. Durante sua administração, a sociedade mediterrânea sofreu com a invasão dos persas, o assédio dos germânicos no extremo norte e uma série de revoltas internas. Diocleciano também transferiu a capital de Roma para a Nicomédia, na Anatólia (atual Turquia), e criou uma guarda particular, uma tropa de elite da qual, supostamente, Georgios fez parte. Santo Guerreiro: Roma Invicta é o primeiro livro de uma trilogia que se propõe a contar a biografia de São Jorge pelo prisma histórico. Trata-se de uma obra de ficção, que não pretende desafiar doutrinas ou dogmas, mas lançar luz sobre esse personagem que, seja real ou simbólico, é tão querido e admirado por milhares de fiéis em todo o planeta. Roma Invicta será sucedido por Ventos do Norte e O Império do Leste.

A Roupa do Corpo
Francisco Azevedo
Record

Na contramão da irracionalidade e do avanço do discurso de ódio e de intolerância, A Roupa do Corpo é um sopro de esperança e é a essência daquilo que nos veste com o que temos de melhor. A Roupa do Corpo conclui a tetralogia iniciada pelo best-seller O Arroz de Palma, seguido por Doce Gabito e Os Novos Moradores. Neste novo romance, Francisco Azevedo nos apresenta o narrador-personagem Fiapo, que nos conduz pela viagem de sua vida. Com ele, seus caminhos e seus relacionamentos, acompanhamos as infinitas possibilidades que cabem em uma existência, quando dedicada à compreensão da alma. Entre os grandes movimentos planetários e os marcos históricos, a vida cotidiana acontece. É entre o nascer e o morrer que amamos, odiamos, nos ressentimos e nos reconciliamos. O livro percorre conflitos nascidos de encontros e desencontros, fragmentação e recomposição familiar, que propiciam o compartilhamento de uma memória comum e um destino coletivo que nos irmanam e aproximam; e trará aos veteranos leitores de Francisco Azevedo uma carga nostálgica, pois os personagens dos livros anteriores aparecem também aqui, apontando os vínculos que nos constituem e acompanham nossa existência. Com uma jornada que se inicia entre o Rio de Janeiro e as cidades de Convés e de Santo Antônio da União, rumo ao difícil e desafiador ano de 2020, A Roupa do Corpo é um convite para que nos deixemos seduzir pela habilidade de Francisco Azevedo de contar histórias, criando personagens e conflitos com todas as complexidades e contradições da vida humana.

Andrizy Bento

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s