Humans

Narrativas centradas em inteligências artificiais que, estranha-mente, desenvolvem comportamento humano (às vezes mais do que os próprios seres humanos), não se tratam de nenhuma novidade. Já vimos esse filme antes. Aliás, estes filmes. Posso citar pelo menos três exemplos emblemáticos: A.I. – Inteligência Artificial; o chatíssimo O Homem Bicentenário; e Eu, Robô, um bom filme adaptado da obra de Isaac Asimov, autor que parece ter servido de influência na elaboração da premissa de Humans.

Humans 2

Continuar lendo Humans